Namorar aos 13 anos

Eu tô me sentindo um baita de um macho escroto

2020.11.09 05:19 FTP-BOY Eu tô me sentindo um baita de um macho escroto

Entt esse é meu segundo desabafo aqui, começando a "história", esse final de semana eu passei na casa de uma garota a qual eu conheço desde os meus 3 anos, aos 13 a gente começou a se gostar muito e começamos a ter uma relação, a gente só ficava msm sem nada muito sério, eu queria muito namorar com ela pq eu realmente amava e ainda amo ela mas por conta da minha insegurança eu acabei sumindo por uns 2 meses e quando eu voltei ela estava namorando, e o namorado dela era um babaca, o mlk é bolsominion, abusivo e super machista e tinha muito ciúmes de mim pelo fato de q ela falava muito de mim e q ela gosta bastante de mim n só como um mlk o qual ela gosta de ficar se pagando por horas mas tbm como mlr amigo, entt um ano se passou e ela terminou com esse garoto e voltamos a nos falar, começamos a ficar novamente e nesse final de semana eu fui pra casa dela, como eu disse no começo, só q ela tava meio desanimada meio triste e etc, fui beijar ela mas ela meio q n queria e nisso eu fiquei muito mal e pedi desculpas por n ter perguntado, isso aconteceu na sexta, no sábado era umas 2 da manhã e eu cheguei nela e perguntei se eu poderia beijar ela e ela concordou e nisso a gente começou a ficar bem de leve já q os pais dela estavam em casa e n apoiam a gente junto já q somos """"""""""primos"""""""""" e hj eu fui conversar com ela e fiquei sabendo q ela n estava muito afim de ter ficado, msm ela concordando e eu disse pra ela q ela deveria me dizer quando ela n estivesse afim e etc e nisso ela acabou dizendo q ela n me falou pq ela n se sentia segura já q o ex dela n se importava se ela estava ou n com vontade e depois q eu descobri isso eu comecei a me sentir um completo de um macho escroto babaca. Peço desculpas pela história grande, espero q leiam até aqui e obrigado a quem ler
submitted by FTP-BOY to desabafos [link] [comments]


2020.10.22 01:18 KrisiAX :)

Bom, vou resumir bastante e tou nem aí pra erros de português fodase, cresci em uma família que é basicamente ódio puro todo mundo se ódeia mais planta falsidade quando estão cara a cara, nasci já quase morrendo sem ar, meus pais divorciados e msm assim morando na msm casa, quando eles se afastaram msm não deixaram eu ficar com minha mãe, o motivo era q minha mãe ia muito pra festa até trazia caras com meu pai em casa, eu já morando com meu pai só vivia se mudando e quando ele arrumou alguém começou a resolver tudo, tudo msm com agressividade, eu tinha muita dificuldade em prestar atenção e em estudar, meu pai fazia eu sentar em uma mesa e ficar estudando o dia todo e ele saia pra trabalhar e a mulher dele tb, ficava sozinho o dia todo,só me divertia na escola por enquanto, quando meu pai chegava em casa ele me perguntava algo da matéria e eu não sabia responder pq qualquer coisa me chamava atenção e ele smp me batia quando não sabia responder, teve um dia em que eu não quis ir pra escola e não fui, passei a manhã todinha na rua pós só vivia dentro de casa e estava realmente curioso sobre lá fora e meu pai soube dessa falta, e quando cheguei em casa ele tbm tava la, falou q era pra eu ir lá pra trás, ele tinha pegado a coleira de ferro do cachorro e me bateu muito com ela essa surra é aqui mais me perturbou na minha vida,tinha ido pra escola no dia seguinte, ninguém perguntou se eu tava bem ow oq aconteceu, comecei a preferir ficar sozinho ai,a gente começou a morar na favela, onde a mulher dele morava,a mulher dele só vivia me colocando pra baixo pq tinha dificuldade em se concentrar nas coisas, quando o filho deles nasceu, aí foi quando as agressões aumentaram,a mulher só vivia dizendo que minha mãe não me queria e chamava ela de todos os palavrões possível, bem novinho comecei a ter raiva das pessoas, com 10 anos minha vó veio me tirar daquela situação e deu a minha mãe, minha mãe não era aquela pessoa que eles falava, era uma mulher boa que claro no passado tinha várias parada, ali pensei que ia ficar bem, mais com o tempo minha cabeça estava entrando em surto, entrei na minha primeira escola naquela moradia, eu era calado e muito tímido foi difícil arrumar colegas, mais arrumei 1, não 1 colega e ss amigo(é meu amigo até hj) mais tb arrumei mais uma merda na vida, com 13 anos arrumei uma mina (precoce) mais velha q eu, não sabia nem namorar direito, com 2 meses eu fui na casa da mina, a casa dela é logo de esquina e tem um campo na frente sem luz, quando estava chegando eu vi uma cara com ela, eles estavam se beijando e o cara tava com a mão dentro do short dela, eu nem fiz nd com a situação, eu só voltei pra casa coloquei um lençol tampado todo meu corpo e chorei pra krl calado pra ninguém ouvir, foi aí q meti na minha cabeça q não precisaria de ninguém, tinha uma pessoa na minha vida q tirava sorriso meu q era meu tio mais teve um dia na madrugada um cara veio em casa falando q ele tinha morrido com um tiro no peito, meu primeiro ataque de pânico minha mente parou, ficou com vários pensamentos e só oq vinha na minha cabeça era se matar, foi aí a minha primeira tentativa de suicido com uma corda mais ainda bem q eu tomei minha cabeça de volta e pude conter, comecei a usar maconha pois me ajudava muito com os pensamentos me fazia dormir bem mais tb veio a raiva explosiva e os problema com socialização paranóias e mais(não por causa da maconha),eu só fazia brigar e usar maconha,depois de um tempo comecei a cultivar dentro do meu quarto, smp preservei a privacidade e tinha muito ciúmes das minhas coisa, meu tio foi abrir meu quarto, e era o logo oq eu não gostava, abriu meu quarto e entrou nele, mais eu enguli essa situação, ele quis contar pra minha familia, mais aí eu já tava com mais nd no quarto tinha jogado tudo, e quando vieram tirar satisfação eu falei q era pra amostrar as provas, entraram no meu quarto e não viram nd começaram a ficar puto com meu tio, ele veio tirar satisfação cmg, eu fui na cozinha e peguei uma faca e fui em direção dele pra enfiar nele, mais tinha muita gente e eles me seguraram, horas depois meu tio voltou, com um 38 falando que ia atirar em mim, não tive preocupação nenhuma com aquilo não tive medo nd, eu pedi pra ele atirar várias e várias vezes, ele com um 38 enfurrajado, acabou não atirando não sei pq, minha mãe veio até mim dizendo que sabia q eu tinha plantado ela chorando dizendo "olha oq vc causou" eu tinha olhando pra ela e falei "tou nem aí", meu segundo surto foi nesse dia, perdi a cabeça e tentei meu segundo suicido e mais um sem sucesso, minha mãe tinha visto, tentou me colocar no psicólogo, mais como eu tinha na cabeça q não precisaria de ninguém se mantia no quarto,eu gostava muito de programação e hacking, eu lia bastante sobre, ficava admirado com as parada q via sobre eles, eu prefiria ta estudando programação do que estuda na escola, uma professora veio até mim no final da aula dizendo que notou que eu tenho problemas só vendo minhas atitudes dentro da sala de aula, ela falou que eu podia contar sobre eles a ela, eu fugi do meu orgulho e tentei contar mais não consegui, comecei a chorar e ela falou q era pra eu ir em um psicólogo pq eu ia melhorar muito, eu comecei a pensar sobre minha vida de madrugada, e quis experimentar um psicólogo, eu contei um pouco da minha vida a ele, e ele me encaminhou a uma psiquiatra, contei um pouco a ela tb, e ela me passou remédios pra tomar de manhã e de noite, cara sinceramente foi a melhor escolha da minha vida, pois eu ficava melhor a cada sessão, cada sessão eu esvaziava o barril cheio de problema e estourava a bolha que estava em volta de mim, com 17 anos conheci uma mina depois de um tempo nos começou a namorar, eu ainda contia problemas convivendo na minha cabeça, e aqueles problema começou a afetar a mina, tratava ela mal e meu orgulho não deixava eu pedir desculpa, mais msm assim a mina ficou cmg me deu concelhos e eu jurei pra ela que ia melhorar dali pra frente, tenho 19 anos ainda tou com ela, hj em dia eu ainda tomo os remédios e ainda vou pro psicólogo semanal e psiquiatra a cada mês, sou uma pessoa mudada (claro ainda vem os pensamentos as vezes) mais consegui aceitar as pessoas ao meu redor e ser melhor pra minha namorada, já sei programação e tou querendo fazer um curso pentest kkk, eu resumi bastante mais sofri muito bullying na vida por ser gordo e cheio de espinha na minha adolescência, hj eu faço academia e luto muay thai, é isso :) espero que os que tem conflito consigo msm tentem desabafar com um psicólogo vão ver a mudança.
submitted by KrisiAX to desabafos [link] [comments]


2020.09.21 19:42 Rare_Bed_8592 eu não entendo mas é triste

pessoas dependentes que precisam namorar pra ser feliz, qual é a fucking big deal, vai assistir coisas que gosta, vai achar algo que ama, não sei, para de se importar em ter um humano por perto, eu sei humanos são coisas sociaveis mas isso já é superestimado pra caralho, ainda quem fala de sexo toda hora, eu me enojaria, larguem de ser tão dependentes que isso não é bom, eu vi um desabafo de sexo aqui que e parecia ter 13/14 anos pelo jeito de falar, eu entendo hormonios são ruins e tal, igual gata no cio que simplesmente sofre por instinto mas não sei pra mim tudo isso é fudido, eu acho que fui tanto gostar de pessoas assim no passado que hoje eu tenho trauma e nojo de tudo que eu pensei, de qualquer forma foi quando eu tinha 11/12/13 anos e era só gostar de pessoas mesmo, enfim cada pessoa é diferente e eu acho que isso é superestimado demais, eu viveria de boas sem algum namorado/a, e tambem para de falar ''aiai sou bv com xx anos'' fodase cara, eu sei isso deve estar ligado com autoestima, mas se preocupar com isso é uma merda mesmo, é foda também ver aluna da minha sala com bebe aos 13/14 anos, prima também com sei lá quantos anos
submitted by Rare_Bed_8592 to desabafos [link] [comments]


2020.09.04 18:33 DanteStonecross Senta que la vem história

Eu to a algum tempo lendo e comentando coisas nesse /, e eu sempre quis dizer varias coisas aqui, porque de algum jeito eu me sinto confortável de ver essas coisas e todos vocês, mesmo discordando com algumas pessoas aqui e ali ta tudo bem, discordar é normal, faz a gente mais humano.
Mas eu queria muito contar uma história aqui hoje, é uma jornada importante pra mim, e eu espero que vocês gostem de me ver aprendendo uma coisa muito complicada. Nessa história, todos os nomes serão fictícios, e será um resumo muito resumido, então a grande maioria dos fatos não está aqui, mas o que isso tudo me ensinou, você vai poder ver com certeza.
Eu sempre fui um Romântico, e quando eu digo Romântico, eu falo da escola literária, eu não uso aquele português difícil, mas eu enxergo o mundo de uma maneira similar, eu vivo os momentos com as pessoas com intensidade, com muito sentimento, e os momentos seguintes a esses vem a melancolia.
A primeira vez que eu me apaixonei quando tinha 11 anos, o mundo se tornou diferente pra mim, era como se de repente todo o resto fosse preto e branco, e apenas aquela garota fosse colorida(eu tenho essa história contada em um texto, que é o ponto inicial da minha depressão, escrito exatamente como aquela criança enxergava o mundo, se ao final alguém se interessar eu mando sem problemas).
E, perto se fazer 14, em 2013, eu conheci uma garota muito mais do que bonita, ela era simplesmente divina aos meus olhos, ela era tão incrível, ela tinha absolutamente tudo que eu gostava. Eu conheci a Ágata dando aulas de matemática(o que mais um nerd faz?) e algo me chamou muita atenção: mesmo com 13 anos eu já tinha dado muitas aulas pra muitas pessoas e todo mundo tem um limite, todo mundo desiste(pede uma pausa) depois de X questões, mas ela não, mesmo sem entender muitas coisas ela persistia até o fim tentando entender tudo, até o horario dela ir embora ela continuou la, com o caderno e a caneta fazendo de tudo pra conseguir entender.
Bons meses depois Ágata se tornou minha melhor amiga(embora no início ela respondia minhas mensagens a cada 3 semanas, sem exagero!), e mais um tempo depois e muitos conflitos com a família dela, a gente começo a namorar.
Eu ainda não posso explicar o que era a sensação de namorar com ela, ela era literalmente o que todo garoto sempre sonhou: baixinha, cabelo cacheado, um rosto muito agradável, um sorriso lindíssimo, peitos e bunda enormes(ENORMES), cantava feito um anjo, era popular, divertida, extrovertida, dedicada, esforçada... É uma lista de qualidades que, na época, transbordava.
De 2014 até 2019, nós tivemos 3 anos de relacionamento e 5 anos de amizade, e eu aprendi muito mesmo em todos esses anos. O motivo do término do relacionamento(numa versão em resumo do resumo do resumo) foi, principalmente, possessão. Eu tenho um pai que é extremamente possessivo e eu levei 14 anos pra sair das garras deles(ou seja, ainda era recente quando eu conheci ela), e 1 ano depois do namoro ela começou a querer cada vez mais a minha atenção, onde eu não sentia mais liberdade pra fazer coisas que eu queria, porque eu tinha que ficar 3 horas falando no telefone com ela(e eu nem gosto de falar no telefone).
Não me entendam mal, eu não estou dizendo que fui perfeito, que não tive defeitos ou que só eu que estava passando por problemas, acabou porque precisava acabar. Inclusive se você, Ágata, por algum motivo descobriu o reddit e se reconhecer nesse post, saiba que mesmo não mais falando com você e não conseguindo mais olhar na sua cara(história pra outro dia), você pra sempre terá minha gratidão e meu respeito, nós vivemos muitas coisas juntos e, se hoje eu sou um homem, foi você que o moldou, muito obrigado.
Quando isso terminou, eu comecei a conversar mais com uma outra garota que eu conhecia, estudava na mesma escola que a gente, e conforme eu a conheci, ela começou a conquistar cada vez mais espaço no meu coração.
Carol era uma mulher interessante de várias maneiras, ela era extremamente extrovertida, cantava muito bem, tinha muitas histórias pra contar, era uma das pessoas que mais tinham ficado com gente na escola, e principalmente, ela tinha acabado de ganhar uma filinha. O jeito que a Carol olhava pra filha dela me fazia querer estar por perto, não porque ela parecia uma mãe incrível, mas porque havia uma dualidade dentro dela: aquela criança foi concebida de um estupro, onde foi muito difícil aceitar conceber a criança, quando ela nasceu era completamente visível que ela não sabia o que fazer, ela amava mais do que tudo aquela criança, ao mesmo tempo que ela via o homem que fez isso quando olhava pra ela(graças a deus, isso mudou bem rápido).
O tempo passou e eu e Carol começamos a nos dar muito bem, e em meados de 2019 a gente se beijou pela primeira vez, essa foi oficialmente a segunda pessoa que eu beijei na vida e cara, que coisa mais estranha, eu não sabia nem como descrever o que tinha sido aquilo de tão estranho... Até que ela me beijou uma segunda vez, e ai oficialmente, aquele era o melhor beijo do mundo.
Eu e Carol ficamos mais algumas vezes, e a gente se dava muito bem em tudo, até na cama era muuuuito diferente do que era com a minha ex, e a gente fazia tantas coisas juntos, viamos animes, conversavamos sobre varias pessoas, saíamos pra comprar roupas...
Cada dia que passava o meu sentimento só aumentava, e quanto mais ele aumentava, mais coisas que eu achava incríveis aconteciam, como a gente ver as coisas abraçadinhos, ficar de mãos dadas, varias dessas coisas de casal.
O meu erro? Carol desde o inicio falou "Não se apaixona por mim, eu não me apaixono por ninguém". Eu segui essas instruções o quanto foi possível, mas cara, talvez fosse loucura minha, mas parecia muito que ela também estava apaixonada, não com palavras porque toda vez que eu mencionava ela mudava a expressão e o jeito por um tempinho, mas as atitudes dela, os nossos momentos...
Depois de um tempo, no inicio desse ano, eu tentei cortar a Carol da minha vida torcendo pra que resolvesse meu problema, e deu certo por 1 mês até que ela me mandou mensagem perguntando quanto tempo isso levaria. Eu dei o meu melhor e coloquei todos os meus sentimentos em um texto, cada palavra continha tudo que eu sentia por ela, e ela também fez um texto de volta pra mim, e eu pude sentir o que ela sentia também, ela queria ser só minha amiga, e nada mais.
Nós ficamos mais 3 ou 4 meses sem nos falar até que, por intermédio de uma amiga em comum, a gente voltou a se falar e, desde então eu vi Carol mais umas 3 ou 4 vezes, mas é tudo muito estranho, a gente troca mensagens uma vez por semana e olhe la, eu nem acredito que um dia a nossa amizade volte, quanto mais a gente ficar ou coisas do tipo.
Mesmo com tudo isso, ela sempre viveu no meu coração.
Porem aqui vem a lição, meus amigos.
Há semanas atrás, eu consegui contato com uma garota que a gente não se via a muitos, muitos anos. Sabe aquela história de primeiro amor a gente nunca esquece? Esse foi meu segundo, e o que eu verdadeiramente nunca esqueci, eu sempre vou me lembrar do meu primeiro dia de aula numa escola completamente nova, e no fim do dia eu ainda todo perdido uma garota me puxa, me olha nos olhos e a primeira coisa que ela diz pra mim é: "Você namoraria comigo?". A resposta pra essa pergunta era não, obviamente, foi muito aleatório, mas eu estava tão nervoso que saiu "sim", ela deu um sorrisinho e voltou ao que tava fazendo. Desde aquele dia, Livia se aproximou cada vez mais de mim, e ela tentou me conquistar todos os dias, e acreditem em 2012/13 eu não era naada fácil.
E quando eu consegui falar com ela novamente, alguma coisa dentro de mim estalou, a gente voltou a conversar e era como se nada tivesse mudado, a gente conseguia desenvolver do mesmo jeito que a gente sempre fez, nem parecia que tinham 7 anos sem contato. A gente se viu algumas vezes(sim, eu sei que a gente ta de quarentena, todas as medidas de seguranças foram tomadas pra gente conseguir) e, cara, eu tinha me esquecido o que é olhar pra alguém que te olha como se você fosse uma obra prima, aquele olhar de quando éramos crianças não mudou nem um pouquinho, ela ainda olha pra mim como se eu fosse a pessoa mais legal do mundo.
Eu, com todos os meus defeitos, com todas as minha chatisses e meu jeito ""inteligente"" de ser, onde a lista de qualidades é exatamente igual a lista de defeitos, ela me vê como se fosse alguém muito mais do que incrível.
E eu olho pra ela assim também, e quando eu a olho, eu quero que ela sinta a pessoa incrível que eu vejo, uma pessoa que passou por inúmeros problemas pelo mundo afora e ainda passa, alguém que realmente foi a raiz do meu gosto pelas mulheres, que me ensinou que atitude é a melhor caracteristica possível em alguém, e que eu quero alguém com isso na minha vida, alguém que tenha coragem de me puxar pelo braço e dizer que me quer, alguém que queira os meus toques, alguém que querias os meus carinhos, as minhas massagens, os meus abraços, as minhas implicações, assistir animes ou séries comigo, beber comigo, aprender e viver todo tipo de experiências e situações. É isso que eu quero com ela também!
Esse é um pedacinho da minha odisseia, eu pedi a Deus, ao universo, a seja la o que for que estiver ai fora por nós, pra que 2020 seja um ano de apredizados e conquistas, 2020 foi o ano mais difícil da minha vida, onde por conta de um treinamento pra competição, da pandemia(home office) e tambem por causa de ter a Carol na minha cabeça, eu passei pela pior fase da minha vida, mas eu consegui correr atrás de ajuda a tempo(onde eu devo a minha vida a minha hipnoterapeuta, que mulher excepcional) e, no final dessa jornada, eu cresci muito e me tornei bem mais forte.
Muito obrigado, eu deixo aqui os meus agradecimentos a todas essas garotas, que me mostraram quem eu quero junto a mim e quem eu quero ser, a minha mãe que é a melhor mãe do mundo e, mesmo a gente se desentendendo as vezes, eu não resistiria sem ela, a minha hipnoterapeuta que consegue a façanha de me colocar em transe(hipnose ericsoniana é a melhor, sem dúvidas!) e que me ensinou muuuito mais lições do que eu teria aprendido em 20 anos da minha vida.
E principalmente, muito obrigado a mim mesmo, por ter aguentado até aqui, por nunca ter parado de ir pra frente mesmo pensando todos os dias em desistir, em jogar tudo pro ar, pensando até em coisas muuito, mas muuuuito mais escuras nos dias mais dificeis, mesmo assim nós estamos aqui, prontos para a proxima jornada, onde a gente vai sofrer, mas a gente vai aprender algo a respeito disso no final.
Se você chegou até aqui, meu caro amigo, eu só queria te contar a história de como eu descobrir o que, pra mim, é o amor. Amor é o que eu sinto quando olho pra alguém que também me devora com o olhar e as atitudes, amor não é toda a intensidade, todo o fogo, toda a loucura, não! Pode ser um pouco disso, mas principalmente, amor é reciprocidade, é você não ter que se esforçar em mudar 1001 coisas só pra agradar a pessoa, quem você ama e quem te ama de verdade gosta de você por ser quem você é, e é isso que eu quero pra minha vida, amar e ser amado!
Eu não sei se eu e Livia vamos ficar juntos, a gente deve descobrir mais a frente, mas eu sei que eu quero isso, e se o destino(ou o universo, ou deus...) não permitir que a gente fique junto, tudo bem, eu sei agora o que procurar, e que vai existir mais alguém que olhe pra mim do jeito que eu olho pra ela.
submitted by DanteStonecross to desabafos [link] [comments]


2020.08.22 02:53 RainLyrics Conflito interno , tenho 19 anos e estou perdido na vida

Atualmente tenho 19 anos e concluí o ensino secundario em ciências e tecnologia no entanto nunca parei para pensar no meu futuro e acabei o 12ºano com média de 11.
La cheguei ao 12º ano, o tempo voou, pelo caminho fiz amigos para a vida e conheci uma rapariga incrível em todos os sentidos com que comecei a namorar, nunca me tinha sentido tão bem, até começar a pensar no futuro, estar com os amigos ou a namorada e a certa altura eles falaram dos seus planos para o futuro e questionarem-me a cerca dos meus e eu não saber bem o que responder deixava-me agoniado , mas o golpe maior foi num dia em que fiquei de dormir em casa da minha namorada , nessa noite ao jantar com os pais dela quem me fez essa pergunta foram eles...tanto eu como a minha namorada ficamos sem reação, ela sabia perfeitamente que eu arranjava sempre desculpas, mas que com os pais dela nunca iria resultar, enfim que situação, acabou ela a responder por mim....na maneira mais sofisticada possível que eu "não sabia", que ambiente, só queria fugir dali, passei a noite toda acordado a pensar naquela situação, não sabia sequer o que queria da vida e ali ao meu lado estava uma rapariga com a vida toda pensada, nos dias seguintes a situação não melhorou, sentia que a vida de toda gente estava a seguir o rumo certo e depois sobrava eu, ali encalhado sem saber para onde me virar, não consegui suportar a situação e num dia algures em março acabei com ela...que sentimento...senti-me completamente podre...nem lhe conseguia olhar na cara enquanto ela chorava, la me fui embora enquanto ela olhava para mim a chorar e perguntava o porque, que situação, menti a minha mãe e la disse que ia dormir a casa de um amigo,na verdade, com os trocos que tinha apanhei o bus para a praia, era fim da tarde/noite e la me fui deitar na areia enquanto chovia, claramente não consegui dormir ali, doía-me o peito e estava frio ainda assim la andei ali até ao horário do ultimo autocarro só para me aperceber que não tinha dinheiro para voltar, enfim comecei a andar por ali, a certa altura tive a vontade 2 horas e tal sem encontrar ninguém a caminhar nos passadiços de madeira, até me lembrar de ir para casa, demorei quase 4 horas a pé, nos dias seguintes também fui cortando o contacto com os amigos mais próximos, não queria que percebessem o quão triste a minha vida era.
Já la vai uns quantos meses, ela e alguns amigos ainda tentam fazer contacto comigo, ainda penso nela e nas pessoas que deixei para trás, passo os dias sem fazer nada, na expectativa de talvez vir a tomar uma decisão, parece que nunca tive tanto tempo como agora, no entanto sinto um desconforto autentico, como se ainda fosse a tempo de ter um futuro.
Sinto-me perdido de varias maneiras e não estou a conseguir lidar com a vida , gostaria de receber alguns conselhos.
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
ATUALIZAÇÃO
Ainda não consigo acreditar, dificilmente consigo-vos expressar o quanto me custou mentalmente pedir ajuda, ontem a noite após ter escrito tudo o que tinha a expressar e após o dilema entre publicar e não publicar la tentei publicar, na qual a publicação foi removida automaticamente, comecei a rir que nem um perdido, enfim la tentei outra vez e la foi removida automaticamente outra vez...desisti e la me fui deitar, hoje ao ir ao telemóvel reparo nas notificações...nem acreditava, tinha ido dormir a acreditar que não tinha publicado nada, nem sequer pensava em voltar a tentar. Fui lendo os comentários ao longo do dia e assim que possível tentar atualizar a minha publicação, entre concelhos, experiências de vida, pessoas a oferecerem-se para me ajudar e a pedir mais informações sobre a minha situação decidi que devia falar um pouco mais do que me levou a esta situação.
Vivo apenas com a minha mãe, o meu pai morreu quando eu tinha 3 anos e a minha mãe 26, desde que me lembro ou pelo menos desde o meu pai ter morrido que temos problemas financeiros, diria facilmente que a única família que tenho é a minha mãe e uma prima dela que vemos ocasionalmente, ainda assim dificilmente sentia alguma diferença entre eu e as outras crianças até chegar aos meus 13 anos, de alguma maneira começava-me a afetar o aperceber-me que era pobre, a minha mãe fartava-se de trabalhar e ainda assim vivíamos desde que me lembro nesta casa velha, pequena e cheia de humidade, não me faltava nada mas vivíamos com o mais básico que existe, por essa altura la me deixei afetar por isso e cai numa fase rebelde, fiz a minha mãe chorar bastante e la chumbei o ano embora as minhas notas de anos anteriores fossem 4/5s , passando esta fase, novo ano, as minhas notas voltam a ser 4/5s ate completar o 9ºano ,entro no ensino secundário e a mentalidade muda, já falam em fazer medias para mais tarde se ir para universidade, no entanto nos não temos condições financeiras para eu ir para a faculdade, nunca sequer for uma possibilidade discutida, porque razão devo me chatear a estudar?Lá prossigo o secundário, altura em que se começa a ir sair mais e a gastar algum com os amigos, no entanto não posso pedir dinheiro a minha mãe para isso...não sou capaz, entre o meu 11º e 12º ajudava as vezes num cafezito e fazia de ajudante de trolha de um senhor que conhecia para ganhar algum, nunca contei isso aos meus amigos ou namorada...preferia inventar sempre algo, estou no inicio da minha relação e acontece que acabo por ir a casa dela...claramente já sabia que os pais dela tinham posses, era fácil para mim perceber isso no entanto o que pensava ser a realidade estava noutro nível, só a sala da casa dela era maior que a minha casa, os pais dela eram pessoas de estudos, bem educadas que viviam numa outra realidade, isso mexeu muito comigo, a partir dai comecei a esconder ainda mais a minha vida dos outros, em momento algum convidei a minha namorada ou amigos para irem a minha casa, e la ia vivendo ate chegar ao mês de março, por essa altura a minha relação com ela tinha crescido de tal maneira que eu tinha a certeza que ela estava completamente apaixonada por mim e eu por ela, não conseguia pensar noutra coisa, estávamos sempre juntos, ela já falava no nosso futuro e eu acompanhava, estávamos em sintonia, no entanto sempre que tínhamos essas conversas eu ficava apreensivo, de que maneira conseguiria suprimir as expectativas dela? Ela sempre soube o que queria para ela, no entanto eu deixei andar, nunca me preocupei com o meu futuro, eventualmente como já disse...acabei com ela , provavelmente por sentir que não a conseguiria acompanhar.

submitted by RainLyrics to portugal [link] [comments]


2020.05.19 18:12 ShotGift9 Meu pai deve ser tratado como um rei.

Esse é um texto longo que diz respeito a um problema familiar como qualquer outro existente.
Meu pai disse hoje que devemos tratar ele como um rei. Eles nos alimenta, moramos em sua casa, paga pelo nosso transporte.
E eu devo ouvi-lo acima de tudo e todos porque ele está certo e os outros estão errados. Porque ele tem experiência de vida e sabe o que é "melhor" para nós.
Devo respeita-lo acima de tudo, porque em 17 anos de vida ele me sustentou e me sustenta. E eu devo calar a boca porque com 13 anos ele já trabalhava. Devo lavar seus pés porque quando eu era um bebê ele lavou minha bunda. Devo ouvir ele me humilhando porque quando era bebê chorava a noite toda.
Não devo amá-lo porque ele é meu pai, mas sim porquê ele fez coisas por mim que ninguém nunca faria.
Ele me abusou por 4 anos. Até o dia em que ele veio até mim e eu rejeitei isso. Ele disse que era nosso segredo.
Quando me apaixonei pela primeira vez por alguém, aos 17 anos, ele disse que eu não poderia namorar de maneira alguma. Que era muito nova pra isso, e consequentemente irresponsável. Afinal, todas as garotas da minha cidade que namoravam logo ficavam grávidas.
Cortei laços com meus amigos e até hoje nunca mais me apaixonei por ninguém.
Provavelmente só poderei sair dessa casa daqui a cinco anos, se tudo der certo. Mas o Covid chegou e agora vai se estender por mais sete.
Vou ter que ser uma serva de meu pai por mais sete anos.
Sete anos pra me libertar dessa prisão que me faz ter vontade de morrer todos os dias.
Sete anos tendo nojo de mim mesma e me odiando. Trancada nesse mundo pessoal, num poço que vou demorar sete anos pra escalar.
Me pergunto todos os dias se vale a pena.
submitted by ShotGift9 to desabafos [link] [comments]


2020.02.06 02:40 RoansC tudo tá tão difícil sabe...

Comecei o ano incrivelmente bem, tava tudo dando certo, tudo indo ótimo. Fevereiro chegou com falsas esperanças e acabou estragando tudo. Estava tudo certo pra eu ir pra praia com meu padrinho. Eu não ia pagar NADA, ganhei a viagem. Porém sou pobre né, tive que escolher entre viajar e ficar 10 fuckings dias despreocupado ou ficar pra começar em um estágio do qual não faz sentido nenhum eu ficar já que não tem relação nenhuma com meu curso, ganhando uma merreca pra poder ajudar minha família com gastos. Fiquei absurdamente chateado com tudo isso, chorei, mas tava superando, até pq o estágio é 1 ano com emprego garantido, porém a raivinha não se foi né, pq entre tomar champanhe na piscina numa casa de frente pro mar e ralar trabalhando eu preferia a primeira opção. Até que meu namorado posta algo sobre se sentir insuficiente no twitter e o boyzinho do qual eu era xonado antes de namorar ele (que por um acaso tinha ficado já com meu namorado e é xonado nele) comentar esse tweet. Meu dia já estava horrível, ver aquilo me deu gatilho. O crush no boyzinho passou a se tornar ódio rapidamente. Eu estava estressado, estou estressado na verdade, curti o comentário e postei que não era obrigado a ficar levando desaforo devido o péssimo dia que eu tive. O lixo do boyzinho postou até gif após isso tirando sarro de mim. Eu quero me matar. Eu quero muito me matar. Eu não sei como me matar. Não quero que haja dor, já sofri o suficiente. Sim, eu tenho problemas. Sim. eu deveria me tratar. Mas quem precisa de tratamento quando já se está morto? ... Não posso fazer isso. Eu estragaria a viagem dos meus familiares. Eu estragaria a vida dos meus pais. O que minha vó, que já batalhou por 80+ anos, superou um câncer e sofre dia pós dia com dores ia pensar de mim? Que neto mais fracote. ... Como reagiriam? Como as pessoas que eu amo reagiriam? Como as pessoas idolatrariam minha morte pra ganhar curtida e dizerem “eu era amigo dele” sem ao mesmo terem ciência do que acontece na minha vida? ... Como meu namorado reagiria? Ele tem tendências suicidas. ... A consciência de quantas pessoas pesariam por acreditarem ter sido motivo do meu faltar? ... As pessoas sofreriam? Existe céu e inferno? Pra onde eu iria? No céu não aceitam suicidas... Novamente, Céu e Inferno existem? ... O meu melhor amigo foi o único que percebeu o que tava se passando. Antes mesmo de eu comentar a ideia fácil que seria a morte, ele pediu pra que eu não a fizesse. O que será de mim? Eu aguento essa noite? Eu converso com alguém? Partir dessa parece cada vez mais sensato e real. ... Como fazer isso? Pesquisei métodos na internet. O primeiro link era direcionado pra um site de ajuda psicológica e apoio. Obviamente não cliquei nele, se eu precisasse de ajuda emocional não estaria pesquisando como não precisar de mais nada. Não havia um site dizendo especificamente “a melhor maneira de se matar, a menos dolorosa e rápida é a seguinte...” Acho que isso nem é permitido. EU SÓ TENHO 18 ANOS O QUE EU ESTOU FAZENDO? Voltando aos sites, afogamentos e decapitações são menos dolorosos que incinerações e afins. O melhor de todos, segundo a internet é parada cardíaca súbita. Infelizmente, por mais que eu não seja um exemplo de saúde, sou saudável demais pra isso. ... Por que não uma faca na garganta? Ninguém me ouviria gritar. Somente eu me afogando em meu próprio sangue. Tudo bem que eu iria morrer logo em seguida, mas eu suportaria isso? Eu seria capaz disso? ... Que tal uma overdose? Quantas pílulas diferentes são necessárias? Também não há um manual sobre isso. Cada vez a ideia fica mais longe. ... Cortes nos pulsos? Como a Hanna em 13rsw? Eu seria incapaz. ... 13 reasons why... Ótima ideia. Lá se vão 5 motivos. Por que tão pouco? Não preciso de muito.
1- Prefeito, cancelou minha viagem e deu início a tudo isso por não poder aguardar 1 semana até me contratar. 2- Famoso boyzinho que não suportou ser trocado e foi tão tóxico a ponto de ser um motivo pra isso. 3- Eu mesmo. Sou tão incompetente. Ele tinha razão, eu gosto de inflar meu ego, pra parecer que sou bom em algo. Na verdade, falo demais, faço pouco, não sou tudo isso que tento demonstrar ser. 4- Paizinho, que não me mimou NADA, estava presente mas nunca estava interagindo comigo, me dando amor, apoio, nem sabe que sou gay, deve desconfiar mas o medo de eu ser supera o amor dele. 5- Mãezinha linda, que apesar de eu amar mais que tudo nesse mundo, não me aceitou exatamente da forma esperada. Eu pensei que o amor dela superaria tudo isso, mas ela simplesmente preferia que eu forçasse uma relação heterossexual do que fosse feliz. Bom pelo menos de início, agora eu não sei, ela nunca mais tocou no assunto, o que me leva a pensar que ela espera que seja mentira ou eu mude de ideia. Te amo mãe. ... Tentarei dormir, talvez eu acorde...
submitted by RoansC to u/RoansC [link] [comments]


2020.01.29 23:16 jw_mentions /r/brasil - "Eu não quero mais ser testemunha de Jeová, porém o medo de perder minha mãe me impede de sair"

I am a bot! Please send NotListeningItsABook a private message with any comments or feedback on how I work.
EDIT: As of Thu Jan 30 15:24:13 UTC 2020, the post is at [193pts10c]

About Post:

--- --- Notes
Submission Eu não quero mais ser testemunha de Jeová, porém o medo de perder minha mãe me impede de sair
Comments Eu não quero mais ser testemunha de Jeová, porém o medo de perder minha mãe me impede de sair
Author blu3shell
Subreddit /brasil
Posted On Tue Jan 28 15:25:07 UTC 2020
Score 193 as of Thu Jan 30 15:24:13 UTC 2020
Total Comments 71

Post Body:

TL;DR
Tenho 20 anos de idade e fui criado neste grupo religioso. Por causa das regras da religião, perdi muitos momentos de diversão como festas de aniversário, namorar na escola, ter amizades com não-TJs e passei a maior parte do meu tempo da minha vida confinado em casa, afinal para as TJs o "mundo" afora é um lugar horrível e imoral.

Pouco antes de fazer 19 anos, eu comecei a questionar algumas politicas da religião, e uma das regras é não ler qualquer informação negativa da religião, e por isso investiguei de cabo a rabo a religião e conclui que deveria sair de lá.

Durante este tempo, eu já me posicionei duas vezes pros meus pais que queria sair, porem enfrentei uma tortura psicológica terrível. Pq se uma pessoa que decide sair das TJs, terá seus laços cortados com a família, ou seja, se encontrar meus pais na rua, eles terão que fingir que não me conhecem.

Minha mãe começava a chorar como se estivesse em luto, e meu pai não parava de me irritar com seus argumentos tentando provar que estou na religião verdadeira, pois acham que serão os unicos a serem salvos num futuro apocalipse, me convencendo com textos bíblicos aleatórios, e não me deixava em paz, por isso decidi que a melhor solução seria encontrar um emprego e vazar.

Além disso eu me considero gay, mesmo eu sendo virgem, e nunca ter beijado ninguém, comecei a assistir pornografia com 12 anos e até hoje vejo pelo menos uma vez por dia.

Acabei de concluir a faculdade como tecnólogo. Espero poder arrumar um emprego, e poder ser livre de dogmas religiosos. E além disso, experimentar um beijo pela primeira vez

Related Comments (10):

--- --- Notes
Author mccmrg
Posted On Wed Jan 29 00:57:18 UTC 2020
Score 4 as of Thu Jan 30 15:24:13 UTC 2020
Conversation Size 0
Body link
Eu tava vendo o sub de exJW aqui no reddit e tem inúmeras coisas q eles n podem fazer, dá uma olhada
--- --- Notes
Author Kiloku
Posted On Tue Jan 28 17:26:12 UTC 2020
Score 3 as of Thu Jan 30 15:24:13 UTC 2020
Conversation Size 0
Body link
O pessoal do /exjw/ talvez possa te aconselhar
--- --- Notes
Author Kiloku
Posted On Tue Jan 28 16:49:07 UTC 2020
Score 3 as of Thu Jan 30 15:24:13 UTC 2020
Conversation Size 0
Body link
O pessoal do /exjw/ talvez possa te aconselhar
--- --- Notes
Author detinn
Posted On Wed Jan 29 02:51:56 UTC 2020
Score 2 as of Thu Jan 30 15:24:13 UTC 2020
Conversation Size 0
Body link
/exjw
Boa leitura.
Tenho pena de quem nasce em família dessa religião.
Força!
--- --- Notes
Author Kiloku
Posted On Tue Jan 28 16:44:55 UTC 2020
Score 10 as of Thu Jan 30 15:24:13 UTC 2020
Conversation Size 1
Body link
O pessoal do /exjw/ talvez possa te aconselhar
--- --- Notes
Author Kiloku
Posted On Tue Jan 28 16:45:03 UTC 2020
Score 0 as of Thu Jan 30 15:24:13 UTC 2020
Conversation Size 0
Body link
O pessoal do /exjw/ talvez possa te aconselhar
--- --- Notes
Author Kiloku
Posted On Tue Jan 28 16:45:11 UTC 2020
Score 0 as of Thu Jan 30 15:24:13 UTC 2020
Conversation Size 0
Body link
O pessoal do /exjw/ talvez possa te aconselhar
--- --- Notes
Author Kiloku
Posted On Tue Jan 28 16:45:35 UTC 2020
Score 0 as of Thu Jan 30 15:24:13 UTC 2020
Conversation Size 0
Body link
O pessoal do /exjw/ talvez possa te aconselhar
--- --- Notes
Author DeepNavyBlue
Posted On Tue Jan 28 15:43:41 UTC 2020
Score 47 as of Thu Jan 30 15:24:13 UTC 2020
Conversation Size 0
Body link
Tem vários depoimentos tanto aqui no Reddit de exJW quanto em fóruns de ex-TJ. Dando dicas de como sair e/ou ao mesmo tempo estar ali. Também existem milhares de depoimentos sobre quem rompe de vez.
Da umas pesquisadas, quem sabe você consiga conciliar, ou nao...
--- --- Notes
Author Kiloku
Posted On Tue Jan 28 16:58:03 UTC 2020
Score 5 as of Thu Jan 30 15:24:13 UTC 2020
Conversation Size 0
Body link
O pessoal do /exjw/ talvez possa te aconselhar
submitted by jw_mentions to jw_mentions [link] [comments]


2019.12.10 17:46 throwawaysemnome Minha irmã quer se matar e se provavelmente eu tiver a mesma vida que ela teve vai dar merda pra mim também

essa vai ser a 43423423 e talvez a ultima throwaway q vou criar pra esse subreddit, e o post mais profundo e fudido meu

Eu xxF (não importa a idade agora pra não falarem merda) entrei de ferias semanas atras, eu nem pra lembrar eu consigo, i mean, desde quando eu tava tendo aula eu não queria entrar de férias, desde ano passado eu fui assim, mas esse ano eu realmente não queria, não queria mesmo. Eu, se eu dizer minha rotina, já ira ter pessoa já reconhecendo a historia que ja desabafei aqui, e não liguem pra esses ultimos desabafos, aqueles não importam, eram só surtos mal feitos, vamos láá, acordar ir pra escola blablabla ficar no computador de tarde e de noite, sabado ficar no computador quando eu estiver acordada, umas... 12 horas por dia? domingo mesma coisa? quero dizer, minha vida inteira foi assim, mas lembro que quando criança meu pai colocava só 5 horas por dia num coisa lá do windows 7 controle dos pais, e eu nem me lembro o que fazia quando isso acabava, eu lembro mais profundamente na infancia eu brincando com meu patinete em volta da casa, nao saia na rua nem nada, lembro mais profundamente eu indo pra rua pra brincar com umas menininhas da casa da frente, e meus pais me chamando pra ir de volta pra casa, porque NaO pOdIa. eu lembro de minha mãe mandando eu roubar a mochila das meninas da frente q ia ser jogado no lixo, na verdade, eu nem sei... a mochila só tava la na frente da casa, eu nem sei... foi tudo culpa da minha mãe... eu odeio esse passado e me sinto um lixo lembrando isso... eu nem era tão pobre assim, se mil reais por mes pra 4 pessoas era pouco... e minha intenção aqui nem era desabafar meu passado... eu me odeio agora
eu só quero pular pro presente agora, as pessoas tem que me reconhecer pelo presente, eu sou uma boa pessoa agora por fora, eu sou extrovertida quando meus amigos estão por perto, na escola, eu tive que conviver com um outro grupinho que nem me socializar eu conseguia direito pois de lá eu só conhecia meu uh, namorado? (eu queria só ficar com ele mas, quis namorar e agora nem me respondendo mais no messenger está, e eu nem conhecia faz 1 semana e ele ja me queria e eu aceitei por pressão e porque ele era uma boa pessoa numa escola cheio de gente que não presta, e olha lá que eu ja fiz um post aqui falando isso, de qualquer forma, namoro em geral é superestimado)

presente agora -
quando começou as férias eu fiquei só fazendo as mesmas merdas, a diferença é que eu agora acordava mais tarde, tava indo até tudo bem, ''aprendi'' a conviver com as férias DESPERDIÇANDO MINHA VIDA, QUE ESSE APRENDI TA MAIS PRA ME ILUDIR, um webamigo (tomara que ele realmente nao leia esse desabafo, ele pode facilmente se reconhecer aqui, ele usa reddit, se vc de alguma forma ler isso, esqueça) meses mais velho que eu falava que foi em festas com a familia academia etc etc eu comecei a ignorar ele, eu não gostava de ouvir aquilo, tipo, inveja? mas ao inves de raiva eu só queria chorar, e foi o que eu fiz, ele depois de muitas tentativas de oi veio logo me chamar em outra conta que eu era ativa, e eu nao tive escolha, eu fiz drama só mandando pontos e falando que ele me deixava triste, igual um adolescente que quer atenção, mas n entendeu e eu só quis deixar isso de lado, e falar de outros assuntos, eu so chorei quando eu fiquei falando que tal coisa deixava triste, eu nao posso chorar porque meu quarto é publico, qualquer um pode ir aqui quando quiser porque o guarda roupa que tem aqui é de todos. então ja veio minha mae se preocupando, e como esperado, ela já veio falando : ''O cOmPuTaDoR eStRaGoU?''

parece bobo, mas aquilo me ferrou ainda mais, pode ser qualquer coisa que posso estar, mas, alguem pensar que eu estar chorando por causa do notebook estragar, me faz pensar que minha vida inteira ta sendo mesmo ficar na frente de uma tela apertando botoes. É isso, só ter uma vida e essa vida ser só isso.
De repente eu percebi minha mãe me mimando dando comida, um tipo lá de chocotone e fez pipoca, que bom mimar um sedentário com coisas nada saudaveis, ja sentia dor no peito mesmo dias atrás (mais uma referencia a outro desabafo)
ok, isso tudo foi ontem, dormi, acordei e fui dormir no quarto da minha mãe porque minha irmã tava se mexendo na cama e isso me deixava desconfortavel
agora que vem a merda
hoje acordei de novo com minha mãe e irmã falando alto sobre como o namorado dela quis um tempo ou algo do tipo, tava uma discussão normal, ela falando como ela tem raiva de tudo e se odeia, mãe perguntando o porque da cara dela estar vermelha em certos momentos etc etc
me deu vontade de chorar de novo por ela estar se preocupando com namorado sendo que ela tem emprego e vai pra onde quiser, enquanto minha vida literalmente depende dos meus pais (minha irmã é 21F e esqueci de falar que também minha infancia do 1 á 5 série foi chorar todos os dias na sala enquanto minha turma inteira, inclusive a professora do 1 e 2 ano, fazer bullying comigo, a minha nova escola do fundamental 2 quase ninguem me conhecia entao ninguem mais fazia bullying comigo, mesmo as 2 escolas sendo bem pertas, mesmo assim, eu nao sei o que eu tenho pra ser tao sensivel assim, mas agora tem motivo ainda).
Então, com um pai que trabalha e fica a noite inteira jogando, uma mãe que cuida da casa e vai assistir televisão quando não tem nada pra fazer, o que eu vou virar? huh? comecei a chorar no travesseiro
depois de tanto blablabla que discutiram, minha irmã começou a chorar, falando de novo que se odeia, que toda a raiva dela é biológica, de dentro da cabeça, que não produz mais felicidade, eu realmente nao me lembro muito por isso to falando tao vagamente.
e agora uma coisa inesperada pois sempre achei que minha mae entende que depressão não é frescura, que se preocupou comigo pensando que eu teria um dia, minha mae começou a falar merda
ela começou a falar com raiva que pelo menos minha irmã tem saúde e que isso que importa, começou a comparar minha irmã com minha prima que sei lá o que engravidou perdeu namorado e mesmo assim seguiu com a vida, que tem que ter força de vontade
mas acho que nem tudo que ela falou foi merda, eu não sei diferenciar desculpa, mas cada pessoa tem sua vida, não precisa ficar se comparando com pessoa com vida pior, isso não vai adiantar nada, minha mãe começou a falar que viu a vida inteira a mãe dela apanhar, falando como se fosse normal.
agora minha mãe vai falar com meu pai, minha mãe falou que meu cunhado terminou o namoro com minha irmã q queria ficar sozinho, que ele era bomzinho de boas com a vida e minha irmã um tanque de guerra, que computador da depressão (finalmente percebeu isso, minha irmã trancada em casa, não tipo, realmente computador, também celular, porque não tinha nada pra fazer alem disso antes de conseguir emprego e namorado), e quando minha mãe falou que minha irmã queria se matar meu pai falou : ''AhHhHh Vai coMeÇaR cOm O DrAmA'' ''FiQueI dESDe PeQUEnO TrABaLhANDO'' e pelo menos começaram a falar de psicologo, meu pai falando sobre espiritismo falando que quando se matar n vai pro paraiso e sim vai ser uma alma penada bla bla bla (ai ai gente ''religiosa'' ou algo do tipo é foda)

mãe : ''se tem que conversar com ela''
pai : ''N VOU (?? n sei mais q ele falou ele tava com a boca cheio de comida)
mãe falou mais algo que nao escutei porque meu barulho de teclado n deixou escutar
meu pai começou a falar que minha irmã foi criado tudo na mordomia e que a vida é sofrer
sinceramente, MEU PAI SÓ FALA MERDA, primeiramente, não é porque os pais teve a vida ruim que o filho vai ter também, na verdade nem sei como foi a vida dele antigamente, mas acha, acha que isso vai ser um loop infinito? um bom pai é assim? desejar a mesma coisa que ele passou pro filho? assim o filho desejar pro filho a mesma coisa? e assim vai indo? eles não abriram a mente pra ver como é tudo hoje em dia, eles ferram com a mente de uma pessoa deixando trancado em casa e chamando de vagabunda, pra depois falar que foi tudo na mordomia? sinceramente, devem gostar de sofrer, ou melhor, ja acostumaram sofrer, não é tipo, sofrer mesmo, mas parece que falar : ''todos vamos morrer um dia'' vai abrir a mente deles pra dizer que a vida não é só trabalhar e ficar preso em casa, i mean, mesmo minha irmã ja tendo 21 anos e precisando trabalhar, acha que ela fez algo de bom antes? que se divertiu na unica epoca da vida de se divertir? não, FICAR EM CASA NÃO É VIVER, desculpa se alguem acha que isso é frescura MAS EU TO PERDENDO A CABEÇA COM ISSO, a menina mesmo livre agora, teve um passado desperdiçado, ela falava que aguentou 20 anos por isso, imagina 20 anos desperdiçado, e eu, 13, parabens descobriram minha idade, 13 anos sentada e indo pra escola, irra.
na minha sincera opinião sobre o namoro dela, ela amava mais o namorado do que eu, e isso era o certo, o namorado dela dava presentes toda hora, a estante do nosso quarto é quase tudo presente dele ou da mãe dele, o namorado dela iluminou a vida dela, e então ela gastava o dinheiro do emprego dela tambem dando presentes pra ele, agora tinha chegado um teclado que ela iria dar pra ele, mas como ele terminou o namoro, ou deu um tempo sei lá, nem sei o que vai acontecer, o teclado tinha custado uns 200 reais, eu pensei que ela iria comprar pra mim e eu fiquei com raiva, quem gastaria 200 reais num teclado? mas era pro namorado dela, isso foi mais entendivel, depois de tanto mimo que ele deu pra ela, ela tem que retribuir, ela até perguntou pra mim o que eu queria de natal, já que meus pais tão pouco se fudendo pra mim, mas era no maximo 100 e eu queria algo de uns 200 (era uma mesa digitalizadora, eu queria uma pra eu continuar desenhando pois desenhar no mouse é impossivel, quem é artista sabe, eu desenho faz 5 anos e eu perdi totalmente o animo de desenhar, pois ate pessoas que nem sabem desenhar ja compram uma e isso é uma grande injustiça, e eu poderia fazer comissions até pra ganhar dinheiro com isso, mas nãoo, se eu tivesse uma mesa digitalizadora eu iria ganhar muito animo pra fazer isso) ser pobre é foda, nao quis nada mesmo.
o namorado dela era de boas com a vida porque deve ser classe media, tudo de boas, bla bla bla, casa boa, ja minha irma tem uma vida merda, agora, se vê o triangulo que isso fez?

irmã com vida merda > irmã acha namorado e emprego > irmã perde namorado por causa da vida merda q era o passado que não traz mais nenhuma felicidade pra ela hoje em dia, pois fica com raiva e nem sei da historia direito e o que ela fez pro namorado.

nossos pais tao fudendo com nossa vida, se for frescura, é só nós que somos sensiveis assim, é normal ficar com uma vida assim? não sabia.

vontade de ela voltar com o namoro e eu ser o filho deles, sinceramente.

morar numa casa que todos dão risada e pais que querem ver todos sofrerem é... torturante, se eu ficar aqui, vou ficar literalmente chorando as férias inteiras
submitted by throwawaysemnome to desabafos [link] [comments]


2019.11.13 11:42 subreddit_stats Subreddit Stats: portugal top posts from 2015-05-16 to 2019-11-12 14:00 PDT

Period: 1640.75 days
Submissions Comments
Total 998 83599
Rate (per day) 0.61 50.93
Unique Redditors 690 10624
Combined Score 595871 729932

Top Submitters' Top Submissions

  1. 8791 points, 1 submission: ruisao
    1. Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage! (8791 points, 539 comments)
  2. 7333 points, 13 submissions: ForeverJamon
    1. Quando queres fazer um bolo mas tens... (1118 points, 59 comments)
    2. Também queria partilhar um meme (1095 points, 49 comments)
    3. Quando vos acontece isto, o que é que fazem? (887 points, 166 comments)
    4. I lack the success to make a good title (751 points, 48 comments)
    5. Coisa mai linda (524 points, 26 comments)
    6. [Receita] Happy 4/20! (459 points, 114 comments)
    7. Tinder em Portugal (x-post from /tinder) (429 points, 277 comments)
    8. Imagem do windows de hoje. Coisa mai linda! (406 points, 42 comments)
    9. Finalmente, aqui está a receita dos lanches. (382 points, 88 comments)
    10. "Chefe, fiz merda" (337 points, 83 comments)
  3. 6521 points, 8 submissions: the_bread_code
    1. Took a pastel de nata baking course and made those (1159 points, 77 comments)
    2. A German attempt at baking broa (993 points, 115 comments)
    3. Broa de milho from start to finish (846 points, 35 comments)
    4. Homemade Pastel de Nata (817 points, 78 comments)
    5. Hello Portugal (791 points, 34 comments)
    6. Broa de milho antes de cozer (770 points, 27 comments)
    7. Made some broa de milho with sourdough (652 points, 94 comments)
    8. Grandma asked to bake an alemaõ bread to remember her times when she was an immigrant in Germany. I made the German Graubrot, similar to broa de milho. (493 points, 55 comments)
  4. 6324 points, 8 submissions: aguadovimeiro
    1. The fucking of the french - 2016, colorized (1501 points, 46 comments)
    2. Somos Campeões do Mundo em Hóquei em Patins! (995 points, 83 comments)
    3. Há 50 anos era assim que se promovia o peixe congelado na RTP (780 points, 52 comments)
    4. Movimento anti-Costa (772 points, 63 comments)
    5. Isto do surf está na hora da morte... (660 points, 37 comments)
    6. Colocar o crl... (653 points, 29 comments)
    7. Estava a pesquisar informações sobre um número que me havia ligado quando encontrei este comentário... (506 points, 20 comments)
    8. 0% ingredientes australianos. (457 points, 56 comments)
  5. 5145 points, 7 submissions: John-florencio
    1. Buraco negro visto através de um telescópio português! Incrível. (1862 points, 48 comments)
    2. Sou artista/ilustrador e venho mostrar o meu trabalho :) (865 points, 166 comments)
    3. Tenho feito estas ilustrações tradicionais para descansar do pc... eu divirto-me bastante a criar estas pequenas histórias! Mais nos comments. (678 points, 91 comments)
    4. Olá pessoal, vocês lembram-se desta imagem que partilhei aqui? Fiz uma uma campanha em alguns threads relacionados com o meu trabalho, e porque não fazer no Portugal também? Dou o ficheiro em alta resolução para fazerem um print (7k a 300dpi). ver comments para download. (596 points, 47 comments)
    5. Como retiro inspiração das mais peculiares pessoas da minha aldeia e do ambiente onde vivo para gerar pequenas histórias. Ver comentários se quiserem saber mais :) (439 points, 28 comments)
    6. CCCAPBCAD- Comité científico para a compreensão e análise das pessoas que bebem café antes de dormir. como sugerido por um user deste sub vou fazeou pelo menos tentar) um post semanal com estes velhotes. (392 points, 48 comments)
    7. Malta, partilho convosco a minha primeira banda desenhada, para um cliente na América, o que acham? (313 points, 112 comments)
  6. 5011 points, 10 submissions: MeltzerIsMyDaddy
    1. Quem quer namorar com o S̷̜̱̬̺͓͖͛̍́̿̽͠r̶̛̜͙̟̘̪̀̍̋͋̔̄͝.̶̳͓̯̰͎̠̎͜ͅ ̵̱͈̩̅͒̾̿͒́͠E̸̻͖̯̲̘͗̌͂͂͆̂̋͛͋͘n̷̻̥̽̋̍̀̄̀g̶̛̗̲̣̙͑̎́̌̍̚e̸̡̮̣̻͉̼̔̔͘n̶̛͈̯̝̺̊͋͋́͐̽̾͜͝h̸̟̰̣̞̝̱͖̒̈́͋e̶̺̜̪̍́̀͌̿̊͗̽̚̕͜į̶͈͚̻͖̔̐͛̏͊̒̄̑͜ͅr̵̭̫̻͆̉̓͜o̸̢̮̳͖͔̊ Agricultor? (745 points, 32 comments)
    2. PSP alerta para novidade tecnológica nos carros (617 points, 81 comments)
    3. "Terminas-te o 9º. ano?" (588 points, 183 comments)
    4. Alta de Coimbra, década de 1930, Portugal (564 points, 66 comments)
    5. Sites de "Fake News" em Portugal (537 points, 250 comments)
    6. Spent the whole morning exploring Mosteiro dos Jerónimos, this natural hidden gem in Lisbon. Definitely the biggest surprise in the town in our opinion. (526 points, 60 comments)
    7. Um gajo a trabalhar... (400 points, 12 comments)
    8. Autocarro urbano espetou-se contra um talho em Viseu esta manhã (373 points, 92 comments)
    9. RTP1 - Era uma vez um cuco que não gostava de couves (347 points, 35 comments)
    10. Caminhos de Ferro da Beira Alta (1920) (314 points, 28 comments)
  7. 4554 points, 8 submissions: Jumpyer
    1. Porto, a cidade das gruas (755 points, 157 comments)
    2. Cuidado com o Miguel (706 points, 47 comments)
    3. O estagiário está com preguiça hoje (673 points, 57 comments)
    4. Quem estiver aborrecido com GoT, pode ver a versão tuga (660 points, 90 comments)
    5. O estagiário CM também queria participar no meme day (582 points, 12 comments)
    6. Manneken Pis vestido a rigor (424 points, 9 comments)
    7. Portugal faz hoje oficialmente 840 anos (392 points, 86 comments)
    8. Quando contas até 100 (362 points, 6 comments)
  8. 4523 points, 7 submissions: touny71
    1. Cristiano Ronaldo, viola portuguesa (1241 points, 91 comments)
    2. Turista brasileira salta do tabuleiro da ponte D. Luís.. Nua (638 points, 187 comments)
    3. Há 2 anos, 2 meses e 2 dias festejávamos assim. Obrigado Éder (621 points, 89 comments)
    4. Jorge Fonseca é sagra-se campeão Mundial de Judo -100kg! (599 points, 48 comments)
    5. Praça de touros na cratera de um vulcão. Graciosa, Açores (554 points, 74 comments)
    6. Faz hoje 1000 dias. Choremos um pouco (480 points, 51 comments)
    7. João Sousa e as meias-finais: “Estamos muito felizes, o trabalho duro compensa” (390 points, 15 comments)
  9. 4345 points, 9 submissions: utilizador
    1. Lisboa, terça-feira, 27 de Junho de 1933 - Adeptos do Sporting ouvem através do rádio o jogo entre Sporting CP [3] vs FC Porto [1], em Coimbra para o desempate das meias finais do Campeonato Nacional de Portugal. (627 points, 34 comments)
    2. Começando com o hino da Espanha. (606 points, 66 comments)
    3. Portugal in 1950 (591 points, 62 comments)
    4. tremendous effort (591 points, 73 comments)
    5. Entretanto, algures no Largo do Rato à porta da sede do PS. (494 points, 52 comments)
    6. para si, que é um homem... (432 points, 53 comments)
    7. Daniel Oliveira > eu adoro a Iniciativa Liberal. Quero vê-los a convencer os eleitores que ganham 700 euros que vão perder 100 euros de salário para pagar a nova taxa de IRS para que um tipo de que ganha cinco mil possa poupar mais de mil euros por mês. (...) (341 points, 566 comments)
    8. Alta definição (338 points, 34 comments)
    9. Olha o robot. É prò menino e prà menina. Olha o robot. Trabalha muito e gasta pouco. Olha o robot. É muito útil pra quem manda. Olha o RADAR... em caixa de cartão? A foto é de hoje! Avenida Santos e Castro. (325 points, 76 comments)
  10. 4016 points, 1 submission: Camarna
    1. Look who's coming to visit (4016 points, 71 comments)

Top Commenters

  1. 1Warrior4All (8596 points, 712 comments)
  2. AqueleHumano (6739 points, 303 comments)
  3. Numaeus (3986 points, 562 comments)
  4. ManoRocha (3915 points, 136 comments)
  5. NGramatical (3877 points, 971 comments)
  6. crabcarl (3479 points, 203 comments)
  7. ozzymustaine (3447 points, 169 comments)
  8. namny1 (3315 points, 93 comments)
  9. sup3rfm (3224 points, 180 comments)
  10. RiKoNnEcT (3093 points, 229 comments)

Top Submissions

  1. Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage! by ruisao (8791 points, 539 comments)
  2. Look who's coming to visit by Camarna (4016 points, 71 comments)
  3. Esta montagem foi editada por mim. Demorou quase 4 meses fazer e agora está no Top 1 do subreddit oficial da Marvel. Surreal! by leunnam (2147 points, 348 comments)
  4. I was told to x-post this to this sub by LuNoZzy (2022 points, 128 comments)
  5. Pera... by VladTepesDraculea (1869 points, 67 comments)
  6. Buraco negro visto através de um telescópio português! Incrível. by John-florencio (1862 points, 48 comments)
  7. Tinha de ser dito by SamuelPuga (1811 points, 283 comments)
  8. Cansado das filas de embarque? by OperaRotas (1751 points, 43 comments)
  9. (desculpem não sei se é suposto pôr aqui xD) encontramos 7 cachorrinhos abandonados perto do campus de gambelas em Faro. Se houver alguém na zona que queira e que esteja disposto de adotar era agradecido. Muito obrigado :) by kiubysore (1625 points, 59 comments)
  10. Ninguém avisou a gaivota que hoje é feriado by heldermendes (1621 points, 37 comments)

Top Comments

  1. 833 points: AqueleHumano's comment in Quero chibar-me às finanças. Serei doido?
  2. 657 points: Greatmambojambo's comment in Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage!
  3. 629 points: maryjtobasco's comment in Foi para isto que se fez o 25 de Abril
  4. 627 points: taikoubou_'s comment in Turista brasileira salta do tabuleiro da ponte D. Luís.. Nua
  5. 602 points: MLG-Sheep's comment in Porque é que os redditors neste sub são tão cínicos?
  6. 592 points: Numaeus's comment in Visto que desperdiçámos a palavra autocarro com os autocarros o que vamos chamar aos carros que se conduzirem sozinhos?
  7. 530 points: SpinN20's comment in The Disappearance of Madeleine McCann Official Trailer [HD] Netflix
  8. 519 points: ozzymustaine's comment in A German attempt at baking broa
  9. 510 points: Saboni's comment in Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage!
  10. 489 points: TTRO's comment in Quando dedicas um tempinho a ajudar os teus novos vizinhos da frente que ficaram fechados fora de casa
Generated with BBoe's Subreddit Stats
submitted by subreddit_stats to subreddit_stats [link] [comments]


2019.09.15 19:11 YareYareDaze007 Minha "breve" história amorosa

Essa História que será aqui contada, nesse livro, é a jornada de um garoto chamado Giovane, um garoto quieto, de poucos amigos, porém muito estudioso, sempre tirava boas notas na escola. E é exatamente lá que nossa história começa.
No ano de 2017, nosso protagonista está sentado tranquilamente em sua mesa, na sala de aula, quando repentinamente ao olhar de relance para a porta, ele percebe alguém entrando, mais especificamente uma garota, uma linda garota, que instantaneamente desperta o encanto de Giovane. Vale lembrar que naquela época, ele era um garoto de 13 anos, sem nenhuma preocupação além de vídeo-games e estudos, mas tudo aquilo estava prestes a mudar. Naquele momento, ele havia descoberto o amor, que muitas vezes pode ser comparado à uma benção ou maldição. Ao ver a garota de nome desconhecido entrar, Giovane logo ficou surpreso com tamanha beleza, porém no momento não fez muita coisa. Apenas voltou aos estudos e tentou não pensar muito naquilo, porém era quase impossível, a cada conta que fazia, a cada texto que lia, a imagem da garota continuava a aparecer em sua cabeça. O que era muito ruim, considerando o fato de Giovane sempre dar muita importância aos estudos, aquilo estava o atrapalhando. Mas logo o nome da garota foi revelado: Sabrina. Giovane ouvira a professora dizer esse nome na chamada e viu a garota responder.
Não demorou muito para ele se dar conta do que havia acontecido. Ele sabia que estava sob o efeito da droga mais poderosa que existe: O Amor. E para o amor não existe cura, apenas o tempo, que foi justamente o que decidiu fazer: dar um tempo e ver o que acontecia. Giovane Não tinha ideia de como os eventos se desenrolariam dali em diante, não sabia o quanto sofreria pensando nela.
Passado algum tempo, cerca de 3 meses, e o amor de Giovane por Sabrina continuava aumentando, como uma fogueira que é atiçada pelo vento. No entanto, uma dúvida ainda pairava sobre sua cabeça: O sentimento era recíproco? Sabrina via Giovane com outros olhos? Ele não sabia, e isso estava o enlouquecendo.
Um mês depois do acontecimento anterior, ele havia pensado em uma maneira de acabar com suas dúvidas, era o único modo que nosso protagonista havia pensado: Falar à Sabrina sobre seus sentimentos. Porém, Giovane era um garoto extremamente tímido, o que deixava essa hipótese quase impossível. Ele tinha medo de contar o que sentia e não ser correspondido, ou ainda pior, ser ridicularizado pelas pessoas ao redor da escola. Chega o fim do ano e Giovane não havia conseguido se declarar. "Meu Deus, mas e se ela não estiver aqui o ano que vem? " Pensava.
2018, início do ano. E para sua surpresa, ele estava na mesma sala que Sabrina. Seria o destino dando uma segunda chance a ele? Talvez. E como dito anteriormente, seu amor não diminuía, apenas crescia dia após dia. Nosso protagonista tem 14 anos agora, muito mais maduro, certo? Errado! Ele continuava com uma ideologia de " deixar o rio fluir ", ou seja, não fazer nada e deixar que o destino cuidasse do resto. Claramente essa tática não deu certo. Porém, Giovane possuía um amigo chamado Marcos, cujo qual se dava muito bem com as mulheres. E fui justamente a ele que Giovane foi pedir ajuda. E acontece que Marcos era realmente bom no que fazia, e milagrosamente conseguiu fazer Sabrina se aproximar consideravelmente de nosso protagonista, que estava pensando sobre a vida e as decisões que havia tomado e aparentemente não interagindo com Sabrina, o que fez Marcos aparecer e talvez ter causado o maior arrependimento da vida de Giovane. Ou não? Marcos chegou conversando com ambos e acabou deliberadamente por falar que Giovane estava apaixonado por Sabrina, o que deixou nosso protagonista completamente paralisado, como se tivesse visto um fantasma, sem nada para dizer, como se tivesse visto a morte cara-a-cara. E Sabrina pareceu incrédula do fato, tanto que até se levantou da cadeira na qual estava sentada e estava se dirigindo a seu lugar, quando Marcos a parou e tentou argumentar com ela, mas nada parecia dar certo. Enquanto isso, nosso protagonista continua sentado imóvel na mesma posição que havia começado a conversa. Passados cerca de 3 minutos, Sabrina chega à mesa de Giovane e pergunta:-O que aconteceu?
-Nada. Diz Giovane
-Você está com cara de bravo. Foi alguma coisa que eu fiz?
-Não, não foi nada.
E Sabrina sai daquela mesa e volta para a dela.
A partir daquele dia, Giovane se tornou outra pessoa, alguém completamente novo. Ao invés do garoto alegre e piadista de sempre, ele havia se tornado alguém quase depressivo, não falava quase nada, passava horas parado pensando na vida, não fazia mais tantas piadas. Até o dia 10 de agosto de 2018, quando ele decide que não vale mais a pena sofrer tanto por conta de falta de coragem. Na escola, durante a aula de geografia a lição era fazer um mapa-múndi e foi o que nosso protagonista fez, porém Marcos tinha um plano para ambos ganharem nota apenas com o esforço de Giovane, que aceitou ajudar já que poderia precisar de algum favor de Marcos algum dia. E foi um plano, absurdamente bem bolado, executado com maestria e finalizado com êxito.
Na noite daquele mesmo dia, Giovane decide cobrar a ajuda que ofereceu à marcos. Mandou uma mensagem para ele e combinou que iriam executar um plano para que nosso guerreiro Giovane tivesse a coragem de se declarar à belíssima donzela Sabrina. Marcos a convenceria a segui-lo e passaria por um local combinado, onde Giovane apareceria e abriria seu coração para ela, acabando de uma vez por todas com isso, do jeito bom, que Giovane sairia com uma namorada e se livraria de sua tristeza ou do modo ruim, que era o que Giovane achava mais provável, onde ele seria completamente rejeitado e jogado à depressão para sempre, porém esquecendo de Sabrina. Nada poderia impedir esse plano de funcionar.
Exceto uma coisa: O esquecimento de Marcos que não conseguiu atrair Sabrina até o local combinado, o que fez com que Giovane saísse vagando pela escola envolto em seus pensamentos, e andando sem parar, para praticar pelo menos de alguma maneira, algum exercício, contudo ao fazer a volta na escola várias e várias vezes, no caminho Giovane se deparava com Sabrina andando com uma amiga e seu namorado, e durante algumas dessas vezes ele pôde ouvir claramente a amiga de Sabrina dizer: " quem quer catar a Sabrina? " Duas vezes na mesma hora em que ele estava passando e ainda ouviu mais uma última vez: " Ela está se doando ". Giovane estava começando a ligar os pontos, tudo começava a fazer sentido em sua cabeça. A vontade dele era alterar o curso de sua caminhada e abrir seu coração a ela, porém se fizesse isso, ele estaria desperdiçando um favor de Marcos, então Giovane Simplesmente continuou sua jornada de volta à sala de aula. Ele estava prestes a descobrir o significado de tudo que aconteceu.
No final daquele dia, Giovane decidiu perguntar à marcos se ele havia se esquecido. E de fato ele havia, no entanto se ofereceu para fazer o mesmo plano no dia seguinte. Giovane concordou.
Terça-feira, 14 de agosto de 2018, nosso protagonista vai para a escola apreensivo pensando em como vai ser, no que ele vai dizer..., mas durante a aula de história, nosso herói percebe que Sabrina estava muito impressionada com o professor novo. Estaria ela realmente afim do professor? Ou seria apenas uma brincadeira? Ele não sabia e isso o deixava apreensivo. Na próxima aula, a de matemática, a professora havia mudado Sabrina de lugar. E coincidentemente, o lugar que ela foi designada era bem perto do lugar de Giovane. Seria esse o destino colaborando mais uma vez para que tudo desse certo em sua vida?
No recreio, tudo estava combinado com Marcos. Só lhe restava sair da sala e seguir com o plano. Acontece que um amigo de nosso protagonista, conhecido pelo codinome Sem Mão, decidiu segui-lo e ver o que aconteceria e como acabaria. Giovane conta o plano à Sem Mão, que fica impressionado e diz que aquele plano era como fazer roleta russa com 5 balas. No entanto, Marcos demorou muito para fazer o plano e quando fez, não fez corretamente: Ele simplesmente disse para Sabrina que Giovane gostaria de conversar separadamente com ela, enquanto nosso protagonista apenas passava por ela e ia direto ao banheiro, pois estava muito tenso. Acaba o intervalo e Giovane se dirige à sala de aula. Na última aula, logo em seguida da de educação física, todos voltam para a sala e se preparam para a aula de matemática e provavelmente a coisa mais inesperada desse livro acontece: Ele pensando na vida como sempre, consegue ouvir Sabrina e Vinícius, um outro colega de sala, discutirem sobre voltar ao lugar anterior deles, e de repente ouve ela dizer que aquele lugar era bom porque ela conseguia ter uma boa vista de uma coisa. Instantaneamente nosso protagonista percebeu que essa "coisa" era nada mais nada menos que ele mesmo, até porque em certo momento dessa conversa ele pôde perceber Vinícius responder: Do G? Que foi logo respondido com uma resposta de Sabrina: Por que você não grita logo de uma vez?! Seguido disso, Vinícius em tom de brincadeira, aumenta levemente sua voz e repete a frase anterior. A teoria das cinco balas de Sem Mão acabara de ser refutada, pois com essas informações, suas chances aumentaram consideravelmente, deixando a arma com apenas uma bala. Estava muito claro para Giovane que Sabrina aparentemente gostava dele, mas não queria que isso fosse exposto. Passado certo tempo da aula, mais uma vez Sabrina diz que é um bom lugar e que ela consegue observar muito bem essa "coisa" e foi respondia por Vinícius: Mas do seu lugar anterior, você também consegue ver. E logo veio a resposta: Sim, mas daqui eu consigo ver mais de perto, logo esse lugar é melhor. Ele sabia que, ou se tratava dele ou de algum de seus amigos que sentavam perto, e estava bem convencido de que se tratava dele. Nesse momento, Giovane estava pulando de alegria por dentro, mas por fora só se via sua expressão mais comum: a de indiferença. Ninguém simplesmente olhando, poderia saber a felicidade que residia dentro de Giovane naquele instante. Ele foi para casa se sentindo renovado e feliz, só não voltou saltitando por motivos de masculinidade. O que aconteceria depois?
No dia seguinte, Giovane não foi para a escola. Ele havia ido ao médico, e como o sistema de saúde do Brasil não é dos melhores, não conseguiu voltar a tempo de ir para a escola. Ainda nesse dia, pela primeira vez ele decide tirar seu bigode e por incrível que pareça, se achou mais bonito e se sentiu deveras confiante em sua jornada. Por volta das 18 horas, conversa por mensagens com seu amigo Sem Mão e lhe conta sobre o que havia descoberto ouvindo aquela conversa, e para desanimar um pouco nosso herói, Sem Mão diz que o "G" mencionado na conversa, poderia ser de Gustavo, outro aluno da mesma sala, mas Giovane prefere acreditar que ela se referia a ele. Logo em seguida, começa a conversar com Marcos, que também fica ciente da situação e diz:
- Ela está brincando com você, cara...
- Não, estou tão confiante que apostaria cinco reais que ela não está brincando!
- Cinco reais? Apostado então! Mas para você ganhar, ela tem de deixar explícito que aceita você. Assim como para eu ganhar, ela deve deixar explícito que rejeita você.
- Claro.
Giovane não possuía cinco reais, nem sabia onde conseguir, mas estava confiante.
16 de agosto de 2018, nosso protagonista aparece na escola e diferentemente do último dia, não parecia tão tenso, parecia até mesmo confiante do que iria fazer. Logo Marcos apareceu:
- Está fechada a aposta de hoje?
- Com certeza!
- Você sabe que vai perder, né?
- Certamente que não, estou tão confiante que nem trouxe o dinheiro, como sinal de que sei que não vou falhar! – Cada frase que nosso protagonista falava, era dita com convicção.
- Se está tão confiante assim, suba a aposta para dez reais!
Giovane pensou por alguns segundos. Ele não tinha esse dinheiro em mãos, mas para mostrar confiança à Marcos e a si mesmo, subiu a aposta.
- Feito!
No instante que disse isso, o sorriso malicioso que habitava o rosto de Marcos fora substituído por uma expressão de espanto. Não podia acreditar que nosso herói estava tão confiante. Porém, durante toda essa conversa na aula, Marcos decide contar à professora de ciências sobre a aposta, e para a surpresa de ambos, ela havia achado uma aposta interessante.
15:30, havia chegado a hora do intervalo, a hora da verdade. Quando pôs o pé para fora da sala de aula, soube que duas coisas importantíssimas estavam em jogo: Seu futuro amoroso e dez reais, que podem não parecer muito, mas na época que o país estava... Ele achava que seria fácil, mas estava muito enganado, pois quando estava fazendo o reconhecimento do melhor lugar para a abordagem, pôde sentir sua perna fraquejar. Depois de dar algumas voltas na escola e consequentemente acabar encontrando com Sabrina no caminho, ele havia achado que estava pronto e quando foi procurar seu alvo em movimento, não o encontrou, no entanto, logo descobriu que ela estava sentada, com sua amiga já mencionada anteriormente. Não havia mais escapatória, teria de se declarar na próxima volta e podia sentir seu coração bater cada vez mais forte ao se aproximar do local. Infelizmente, ao chegar e estar preparado, se depara com mais 4 garotas conversando com Sabrina e sua amiga, o que fez nosso herói alterar o curso e ao invés de parar, acabou seguindo sua trajetória comum. Faria na próxima volta, não importava o que acontecesse, porém, ao chegar novamente e ver que só estavam ela e sua amiga sentadas, não conseguiu. Era como se uma força desconhecida o impedisse.
Bate o sinal para todos voltarem para suas salas de aula e nosso protagonista entra e percebe que teria uma aula vaga, e logo seu lamento em não ter conseguido se declarar, se tornou em forças para tentar agora que não haviam tantas pessoas lá fora. E mais uma vez não conseguiu, até que Sem Mão propõe um desafio: reproduzir um desenho de seu amigo Raul, um cara vidrado em desenhar, e Giovane aceita, pois ficar andando e se lamentando não era a melhor atividade. Chegando onde Raul estava, Sem Mão explica o desafio, porém, por algum motivo Raul pega uma folha e corta em duas, dando uma parte para Sem Mão e outra a si mesmo. Giovane não se importa. Na verdade, parecia não se importar com mais nada depois de ter fracassado em conversar com uma garota. Sem Mão reproduz um desenho de um homem com terno roxo e gravata que Raul havia feito. A única diferença, no entanto, foi que sua reprodução ficou parecendo o cruzamento de um desenho de uma criança sem talento com um feto malformado em um pote com formol. Após isso, aparentemente Sem Mão ficou tão entediado quanto nosso protagonista e decidiu voltar a andar, quando de repente veem Marcos e o namorado da amiga de Sabrina tentando tirar a namorada de Marcos e a amiga de Sabrina de um banco no qual estavam todas sentadas. Giovane pensou que poderia ser Marcos querendo ajudá-lo a conseguir, mas qual seria sua motivação além de perder dinheiro? E eles conseguiram tirar as garotas do banco, deixando Sabrina sozinha, que decidiu levantar e começar a andar, mas nosso herói não pensou em abordá-la, simplesmente não tinha a coragem para isso. E acontece que ele era um cara muito corajoso quando se tratavam de brigas e tudo mais (até enfrentou um bando de garotos que estavam o incomodando uma vez), mas quando se tratava de garotas, ele não sabia o que fazer. Depois disso voltou para a sala a tempo de acompanhar as duas últimas aulas de geografia. Contudo, no final da última aula, Marcos veio conversar com nosso herói:
- E aí cara, cadê meus dez reais?
- Eu não falei com ela, logo não tomei um fora, o que significa que eu ainda fico com meu dinheiro.
- Porra, cara. Qual a dificuldade? É só chegar lá e falar " eu estou afim de você, vamos ficar juntos? " E acabou.
- Se fosse tão fácil assim, eu já teria feito há um ano e oito meses atrás...
- Mas é fácil!
- Não para mim. Me falta coragem.
Então Marcos decide tomar uma abordagem mais agressiva.
- Olha lá a bunda dela como é grande! Você não quer ter isso?
Giovane continuava dizendo que não tinha coragem.
- Olha lá, o cara foi dar tchau para ela e passou a mão na bunda dela! E ela ainda deu risada! Você vai deixar o cara fazer isso com sua futura esposa?
O sangue de Giovane fervia, como se ele mesmo fosse explodir a qualquer momento, mas ele era um cara calmo e conseguiu se manter normalmente apenas dizendo " calma e tranquilidade " a si mesmo enquanto Marcos dizia:
- Se amanhã você não conseguir, você vai ter de dizer para todo mundo que você é um merda e eu sou superior!
- Okay, já me considero um merda normalmente...
Mas aquela conversa lhe deu forças para o que ele faria no dia seguinte.
Dia 17 de agosto de 2018, nosso herói está prestes a sair de casa, enquanto seu pai assistia tevê, e de relance, pôde ver a notícia mais bizarra que já havia visto em toda a sua vida: " Homem-Aranha do crime " que aparentemente era um ladrão que escalava prédios tão bem que recebeu esse nome.
Chegando na escola, pronto para fazer um trabalho de artes, acaba descobrindo que haveria outra aula vaga, já que sua professora tinha faltado, o que o deixou feliz e enraivecido. Quando já havia saído da sala e estava andando pela escola, começa a falar com Sem Mão desse livro que está sendo escrito agora mesmo.
- Vai ter muita coisa nesse livro!
- Essa conversa também?
- Provavelmente, já que eu vou colocar qualquer coisa que pareça insignificante o suficiente no lugar de alguma informação que seria crucial, ou seja, essa conversa vai direto para ele.
- Bem, isso não seria meio que...
- Um Inseption muito foda!
- Eu ia dizer quebra da quarta parede, mas Inseption também está valendo.
- Não é bem uma quebra da quarta parede. Eu só estaria fazendo isso se eu dissesse: " Ei, você aí que está lendo esse livro, como é que você está? "
- É, realmente...
Ao andar, se deparava algumas vezes com Sabrina andando com Marcos e outra pessoa não apresentada anteriormente: Kauã. Em algum momento, Marcos tentou parar Giovane o empurrando e lembrando que ele tinha de concluir sua tarefa naquele dia, ou então seria um fracassado.
- Você tem até hoje para conseguir.
- Veja bem, meu amigo, até a meia-noite ainda é hoje.
E essa foi uma sacada bem esperta, tenho que admitir. Enfim, nosso protagonista continuou andando um pouco até que...
- Giovane! Chega aqui! – Disse Marcos aos berros sentado em um local perto de uma árvore.
- Porra... – Disse Giovane.
E foi andando até chegar a ele.
- Que foi, cara? – Perguntou em tom de desânimo.
Eu preciso que você tire uma foto.
" Uma foto? " Pensou Giovane, achando que poderia ter um esquema armado por Marcos.
- Ok, vamos lá!
E foram caminhando em direção à uma outra parte da escola. Quando chegaram, nosso herói se pôs em posição e segurando o celular de Marcos, estava pronto para fotografar. Enquanto olhava para a tela do celular, podia ver Sabrina e sua beleza, ao mesmo tempo que pensava " Caralho, eu sou um merda meu irmão! " E tirou a foto. No entanto, o que não sabia, é que quando já ia se retirando do local, Marcos o chamou e disse:
- Não, cara. A gente só quer que pegue essa parte da parede.
- Ah, ok.
E novamente estava em posição observando Sabrina pela câmera, e logo tirou outra foto. E dessa vez, conseguiu voltar à sua rota sem ser chamado mais uma vez. Andava e andava, sem rumo, sem destino, sem coragem, quando com sua super audição pôde ouvir Sabrina discutindo com Marcos, atrás dele.
Ouvindo isso, ela decide desafiar Marcos para uma briga, e ele logo se acovarda. Como Giovane, ele não tinha coragem. Quanta hipocrisia, não é mesmo, caro leitor? No entanto, ele logo teve uma ideia.
- Vai lá e usa essa raiva no Giovane!
E Giovane continuava andando na frente apenas ouvindo essa conversa, quando foi chamado.
- Giovane! Chega aqui!
E lá ele foi conversar com ele.
- O que foi dessa vez?
- A Sabrina quer te dar um soco.
Mas ela não queria.
- Não, eu não vou! – Disse ela.
- Por que não? – Perguntou Marcos
- Porque eu estou com raiva de você, não dele!
Mas depois dessa breve conversa, Giovane notou um olhar de Sabrina dirigido ao nosso herói. Sabrina realmente teria olhado para ele da forma que imaginava? Ou só estava ficando louco? Descobriria tudo isso em breve...
Dia 18 de agosto de 2018, sábado, por volta das 22:30 da noite Giovane é contatado por Marcos com uma mensagem:
- E aí, cara?
- Opa.
- Tudo beleza, cara?
- Tudo de boa.
- Então, cara... eu acho que você perdeu a aposta.
- Não, pois a aposta não tinha prazo. A única coisa que tinha prazo era eu dizer que sou um merda e a sexta já passou, então você foi enganado...
- Aí é que está, meu amigo quem está se enganando é você mesmo. O único que está sofrendo por amor é você.
- Sim, mas ainda assim, a cada dia minha coragem vai aumentando...
- Não se iluda meu pobre amigo. Esse seu coração não merece sofrer!
- Eu estou apenas contando os fatos.
- Não ame aquela garota, ela não merece você.
- Se fosse tão fácil assim... E você não vai me fazer desistir, porque sou brasileiro e brasileiro não desiste nunca!
- Entendo, apenas não quero que sofra por algo que não tem futuro.
- Eu já sofri para caralho, eu tentar isso não vai aumentar a dor que eu sinto por não estar ao lado dela.
- Você realmente quer isso, não quer?
- Sim, porra!
- Para que você possa ver que eu não estou mentindo. Eu nunca disse isso para você, porém... eu realmente não tenho nada para fazer.
- Etcha porra!
- Sim, essa foi a única palavra que você nunca me ouviu dizer.
- E qual seria? – Perguntou Giovane apenas para ver Marcos admitindo que estava tão perdido quanto ele.
- Eu não sei o que fazer.
- Ca ra lhou.
- Por conta dela, não tem muito o que fazer.
- Isso mostra que é um caso absurdamente difícil.
- Sim, porém não impossível.
- Até porque nada é impossível, exceto o Palmeiras ganhar um Mundial. Isso é impossível.
- Kkk verdade. Como eu já vi que você não vai desistir da Sabrina...
- Certamente que não.
- Eu vou pelo menos tentar ajudar.
- Que bondoso.
- Porém, como nada na vida é perfeito, eu vou usar minhas técnicas...
- Caralho. Tenho trauma dessas técnicas.
- Pode apostar! Até porque, eu aprimorei elas...
- Acho bom mesmo, kkk
- Porém não foi para um lado bom! Foi para um lado mais extremo.
- Puta merda.
- Eu já pensei no que vou fazer. Funciona muito em filmes e novelas.
- Diga-me.
- Vou trancar vocês dois, em algum lugar sozinho.
- Caralho. – Giovane já sabia que aquele plano não iria funcionar, porém decidiu ouvir até o fim.
- Vai ser perfeito. Você vai ver, aí é por sua conta. Na verdade, a parte mais difícil sempre vai ser para você.
- Eu estou com um certo medo do que pode acontecer.
- Ela pode falar tudo que sente por você, ou ela pode ficar de fato com você.
- Ou pode não acontecer nada.
Depois de um tempo de conversa Marcos se convenceu de que seu plano não era dos melhores. Até que disse:
- Eu te ajudo e você me ajuda. Eu te ensino o que sei, e você o que sabe...
- O que exatamente você precisa?
- Eu quero saber como você pensa tanto e quero saber como você é tão concentrado, etc....
- Caralho, sério?
- Sim.
- Ok, aqui vai. Não tem segredo: Você só tem que pensar que sua vida dependesse daquilo. Mas, o lance de ser pensativo, acho que é porque eu não tenho muito o que fazer, apenas pensar.
- Ótimo!
- Espero ter ajudado.
- Ajudou sim, muito obrigado. Agora o que você precisa?
- Fora o lance da Sabrina, nada.
- A melhor opção seria chegar nela em alguma hora em que ela estivesse sozinha ou falar que é uma conversa em particular.
- Sim, o lance é que eu preciso de coragem.
- Quer saber, você transmite confiança. Algo que eu queria muito transmitir.
- Só reprimir suas emoções e mostrar nos momentos mais cruciais.
- Como assim?
- Você nunca sabe se eu estou feliz ou triste, certo?
- Certo.
- Mas as minhas emoções mudam. Tudo que eu faço é mostrar o que eu quero que os outros vejam: A minha cara de indiferença de sempre.
- Porra.
- É basicamente só isso.
- Valeu, cara.
- Você me ajuda muito, estou retribuindo.
- Muito obrigado. Mesmo, cara.
- Não há de quê.
Dia 19 de agosto de 2018, Marcos envia uma mensagem por volta das 21:00 para Giovane:
- Cara, estamos na mesma situação. Eu me apaixonei e ela não dá bola para mim. Fudeu, eu me apaixonei. Isso não é natural no universo.
- Vamos conversar.
- Fudeu.
- Você se fodeu.
- Sim, Fudeu. Eu me apaixonei e isso não é normal da porra da natureza! Eu sou Marcos Ribeiro, não posso me apaixonar!
- Agora sente o que eu sinto há quase dois anos. Não é fácil quando é com você, né?
- Literalmente não. Mano, ela é maravilhosa e não me dá bola. Nem com meus truques e experiência não consigo.
- Você sabe que se eu conseguir ficar com a Sabrina e você não pegar essa mina, o mundo deu uma puta volta.
- Sim.
- Algo de errado não está certo.
- Nem um pouco. Mas, mano ela é perfeita! Pensa na Sabrina e multiplica por 20.
- Impossível!
- Juro.
- Para mim não existe nenhuma garota na face da terra que se compare à beleza da Sabrina. Acho que o amor faz isso...
- Mano, Fudeu. Eu me apaixonei. Pera aí...
- Eu poderia ser muito cuzão e não ajudar, mas você tentou me ajudar, então farei o que puder.
- Pronto. Não sou mais apaixonado.
O amor não é brincadeira de criança, é coisa séria e não se livra do amor tão rapidamente. E Giovane sabia disso, então ou Marcos não estava apaixonado desde o início, ou ainda estava apaixonado ou talvez estivesse inventando tudo aquilo.
- Ata kkk.
- Sério, passou. Eu me controlei.
- O amor vai e vem como uma montanha-russa.
- Não. Não comigo.
E foi então que nosso herói se preparou para fazer um dos melhores discursos de todos os tempos.
- Você pode ter esquecido agora, mas vai pensar nela de novo. E aí fodeu. Mas, se tem uma coisa que eu aprendi é que você tem que insistir...
- Não. Foda-se.
- ... até não ter mais forças. Você não vai esquece-la, apenas aceite o destino. Se você não tentar, alguém vai e você vai ficar muito arrependido. Então você não vai desistir, porra! Logo você, o cara que me incentivou a correr atrás da Sabrina, não pode simplesmente desistir. Essa pode ser a mulher da sua vida, então você teria que ser muito burro para deixar de tentar. E é por isso que você vai correr atrás dela.
Esse foi um puta discurso. Foi tão bom que parece que foi redirecionado a si mesmo e deu forças para ele fazer o que faria amanhã.
Dia 20 de agosto de 2018. O que nosso herói fez? Nada! Até tentaria falar com Sabrina, mas o problema é que não a via. Ficou todo depressivo por passar mais um dia sem conseguir e foi para casa. Chegando lá, sente uma certa fome e decide fazer uma omelete. Uma coisa que deve ser dita anteriormente, é que independente de quanta pimenta do reino colocasse, não conseguia sentir a picância que deveria. Fazendo a omelete, coloca pimenta do reino e seus dedos ficam sujos. Logo vem seu pai, com uma má intenção.
- Lambe a pimenta aí para você ver que não arde quase nada.
Giovane confiava em seu pai então provou e por um segundo pensou " nossa, não arde mesmo ", mas estava muito enganado e arrependido, pois depois de dizer isso, pôde sentir sua língua queimando como carvão em brasas, então pensou " vou tomar um copo de leite e estará tudo resolvido ", acontece que no momento a caixa de leite que estava na geladeira, havia acabado e Giovane teve que esperar cerca de trinta segundos de pura dor e sofrimento até conseguir abrir outra caixa de leite.
Esse pequeno conto não interfere em nada nossa história, mas achei que deveria ser compartilhado.
Quinta-feira, 23 de agosto de 2018. Nosso herói já está na escola durante a terceira aula, esperando o sinal para o intervalo. Ao ouvi-lo, Giovane, como sempre, começa a andar em voltas, porém, mais uma vez se depara com Sabrina, mas dessa vez ela não está andando, e sim parada com algumas garotas, o que eliminava completamente a possibilidade de tentar fazer seu plano, então apenas segue seu caminho. Voltando para a sala, ele não sabia, mas sua vida que já era depressiva, estava prestes a ficar pelo menos três vezes pior, por um tempo. Ao entrar e sentar em sua cadeira, pôde ouvir Yasmin, sua prima, dizer claramente que era um cupido, logo em seguida Sabrina conversa com alguém que ele não conseguira identificar, mas ouve a seguinte frase durante a conversa " Eu virei e dei um beijo na mina ". Naquele momento, não sabia o que fazer. Seus olhos começaram a lacrimejar como se estivesse cortando um milhão de cebolas enquanto um anão tailandês chicoteava suas costas. Sentiu que todo o sentido de sua vida havia acabado, sentiu-se como se o chão que estava aos seus pés havia desabado. Para esconder sua tristeza de todos e de si mesmo, Giovane adotou um comportamento bem agressivo, mas enquanto conversava com Marcos ouviu-o dizer:
- Vamos fazer uma aposta amanhã. Tipo os gringos jogam pôquer e apostam salgadinho essas coisas, já a gente que é fudido aposta bala. A gente poderia, sei lá, jogar algum jogo de azar tipo pôquer, truco...
- Eu toparia um truco. – Disse nosso protagonista.
- Ok, então amanhã todo mundo traz bala para apostar e a gente joga um truco.
Chegando em casa, de noite, Giovane decide contar a seus amigos sobre o motivo de ter ficado tão furioso a partir do intervalo, exceto por uma parte que ele não conseguia parar de rir como se fosse um retardado " Bebidas Xabás ". E ao contar para Semeão, ele recebe um discurso motivacional quase tão bom quanto o que havia feito para Marcos.
- Giovane, sabe o que você precisa?
- O que?
- TVNC
- Wtf?
- Tomar vergonha na cara.
- Porra, semeon.
- Criar coragem e ir.
- Sim. Só preciso do meu bigode, ele me transmite segurança.
- Não deixe que coloquem o dedo na sua cara e digam quem você é!
- Minha autoestima começou a subir...
- Virou mó conversa motivacionap. Maldito correto. R.
- Maldito analfabetismo!
- Cara, você é o cara!
- É bizarro que eu nunca pensei que não conseguiria por falta de coragem, mas sim por rejeição.
- Você vai conseguir. Se tiver a lábia mais do que perfeita, você é imbatível!
- Sim, eu só preciso chegar nela.
- E puxar um bom papo.
- Com puxar um papo, você deve saber que eu vou chegar fazendo a proposta.
- Hum, é mesmo?
- Se a porra do Marcos tivesse seguido o plano...
- Então quando você chegar nela, já sabe...
- Agora tenho que ir.
- Vou recobrar o favor do Marcos, mas falous.
- O Kauã está mandando eu jogar com ele.
- Olha só, escravatura, mas falous.
Naquele mesmo dia, ele cobrou o favor e Marcos concordou em ajudar.
Dia 24 de agosto de 2018, na escola durante a primeira aula que deveria ser de artes, mais uma vez é uma aula vaga. Ao andar com Sem Mão e Raul, como sempre nosso herói se depara com Sabrina sentada com algumas amigas. Dando algumas voltas, durante uma delas, ao passar pelo grupo de garotas, nosso protagonista consegue ver claramente Sabrina olhar diretamente para ele por cerca de três segundos. E não era qualquer olhar, era um olhar tão certeiro que não havia a possibilidade de ela estar olhando para algum outro lugar. Esse fator somado às informações que Giovane havia conseguido ouvir ao longo do tempo, lhe dava uma chance de 99% de Sabrina estar afim dele.
Feliz para cacete, depois que a aula vaga acaba, volta para a sala e vai fazendo as lições até chegar a última aula de geografia. Todos haviam se lembrado do que Marcos havia combinado sobre o truco. Mas ninguém trouxe um baralho.
Depois de tudo isso, com sua confiança, nosso herói faz uma das coisas que mais se arrependeria em sua vida, ele decide aumentar a aposta que havia feito com Marcos para 20 reais. Se ele conseguisse, seria ótimo ganhar esse dinheiro, mas Giovane não pensou no caso de não ganhar a aposta, pois estava cego pela ganância do dinheiro fácil. Marcos aceita a proposta e dessa vez foi mais esperto por ter colocado um prazo de dois dias na aposta.
Durante alguns dias, nada de tão importante acontece que deva ser mencionado nesse livro. Isso até o dia 30 de agosto de 2018...
Giovane decide que pediria Sabrina em namoro durante o recreio, mas para isso precisaria da ajuda de Marcos, que concordou em ajudar depois de certas negociações.
É chegado o intervalo e a tensão estava subindo, até porque agora além de Sabrina, 20 reais estavam em jogo, e nosso herói não tinha nem perto disso...
Giovane anda durante o recreio procurando Marcos e acaba o encontrando.
- Então, cara... agora seria uma ótima hora para aquela ajuda...- Disse nosso protagonista.
- Ah, sim claro, claro... A gente só precisa encontrar a Sabrina...
E lá se vão Marcos, Giovane e Thiago (Não o Sem Mão) procurando a garota. Até que Marcos tem uma genial ideia (sem sarcasmo).
- Giovane, faz o seguinte: fica ali na árvore que eu vou ver se eu encontro ela e chamo-a aqui.
Nosso herói concordou com a cabeça e foi se dirigindo à árvore. Chegando lá, não parava de pensar o que iria dizer, até que de relance, consegue ver Marcos caminhando com Sabrina em sua direção. Eles haviam chegado.
- Então, o Giovane tem um negócio para te falar...
"É agora", pensava Giovane. Não havia mais escapatória.
- É então, é sobre o lance que eu ia falar ontem... Sabrina eu sou absurdamente afim de você, e você sabe disso, então... quer namorar comigo?
- Então... no momento eu não estou disponível..., mas se quiser a amizade, estamos aí.
Ele se sentia arrasado, detonado, zuado, fudido, quebrado.
Aquelas palavras ecoaram na cabeça de Giovane, que agradeceu a Sabrina por ter cedido seu tempo e foi embora andando. Por incrível que pareça, ele se sentia libertado. Triste, porém, libertado.
E nossa história termina aqui com um final não tão feliz(ou será que não?).
E com essa finalização, eu agradeço por ter tirado um tempo do seu dia para ler isso.
submitted by YareYareDaze007 to EscritoresBrasil [link] [comments]


2019.08.29 02:17 ederalk 50 motivos de porque a homossexualidade não é pecado

Um dos temas mais atuais e controversos, daqueles que mais instiga de ódio a defesa, na política, na moral, e na religião, que transpõe fronteiras terrenas e temporais: a homoafetividade! É sabido que teologia cristã atual põe a homossexualidade no pedestal mais alto das mais "abomináveis práticas humanas". Respeitosamente, a instigação aqui esmiuçada busca um ceticismo ao fundamentalisto religioso atual e questiona: e se não for pecado? E se nunca foi um pecado? Mais um berrante erro histórico da Igreja? Boa leitura.
50 motivos de porque a homossexualidade não é pecado
  1. Se nascer homossexual é pecado, logo, ele já está condenado ao inferno, pois é impossível deixar de ser homossexual, pois ele o É. Logo, Deus fez acepção de pessoas. Eles nem tiveram a chance de serem salvos. Porém, Deus não faz acepção de pessoas (Atos 10:34)
  2. Se apenas a prática homossexual é pecado, mas não o desejo, logo Deus colocou o desejo nesses homens para os tentarem a pecar o tempo todo, mas afirmar isso é antibiblico, pois Deus não tenta ninguém (Tiago 1:12-20);
  3. Se o desejo não foi posto por Deus, pode ter vindo de Satanás, logo ele tem o poder sobre a libido humana, assim ele tem poder de fazer qualquer hétero virar gay, ou um gay virar hétero, outra coisa impossível. Ele já teria o feito a todos os homens;
  4. Se a homossexualidade é adquirida por comportamento, logo, é aprendida. Mas sabemos que: 1) gays nascem de casais héteros; 2) muitos sociedades desencorajam e perseguem a homossexualidade, mas isso não impede que ela continue existindo nelas; 3) todas sociedades em todas as épocas, das civilizações europeias e asiáticas as tribos indígenas e polinésias foi observado a presença da homossexualidade; 4) animais também, naturalmente, podem ser homossexuais, em mais 1500 espécies relatadas (Ec 3:19); 5) os héteros não afirmam que adquiriram a sua libido por comportamento, porque seria diferente com o homossexual?
  5. De forma direta e literal, não há nenhuma condenação as lésbicas na Bíblia; logo, o desejo lésbico seria natural, da criação humana. Se assim for, o desejo pelo sexo oposto seria inato, tanto em homens como mulheres, chegando a mesma conclusão que Deus estaria tentando apenas aos homens gays entre todas as sexualidades, algo antibiblico; a Bíblia também não explica a complexidade do bissexualismo em todas em suas nuances: um bissexual poderia se casar com uma mulher?
  6. Deus, de fato nunca muda, mas pode mudar o homem: Gênesis 6 nos relata o mundo antes do Dilúvio: havia gigantes na Terra, anjos faziam sexo com as mulheres e os homens viviam centenas e centenas de anos. Adão viveu 930 anos! Homens tinham filhos aos 187 anos nessa época (Gn 5:25)! No versículo 3, Deus, aparentemente, muda o homem para viver no máximo 120 anos, afim de evitar uma superpopulação mundial. (Algumas interpretações dizem que é 120 anos para acontecer o dilúvio). Mas o fato é que desde de Gênesis 11, a expectativa de vida humana se abrevia radicalmente. Ou seja, provavelmente, Deus mudou a anatomia humana: um corpo que vive 930 anos não é igual a um corpo que vive 100 anos; Deus precisaria alterar células, órgãos e tecidos! Por que Deus também não interferiria na libido humana, a fim de evitar um superpovoamento? Será que Jesus desencorajou a poligamia em Mateus 19:4-5, que era tão comum no Antigo Testamento (Gn 4:19) também preocupado com o crescimento da população humana?;
  7. É comum dizer que Jesus esteve em silêncio acerca da homoafetividade, o que não aconteceu: Mateus 19 é um diálogo em que Cristo trata acerca do casamento. Em Mateus 19:11, Jesus afirma que nem todos os homens tem a condição de seguir a ordenança do casamento heterossexual, dada por Deus em Gênesis; o único pré-requisito possível para tal condição seria ter atração por mulheres: se o homem a tiver, case, para não cair em tentação (1 Co 7:1-2; 7:26-27); se não a tiver ou a perder durante a vida, está livre da ordenança do casamento com uma mulher; se tiver, mas se desejar ser celibatário pelo Reino de Deus, é uma escolha pessoal (Mateus 19:12); logo, nascer homossexual é uma condição inata, não algo fruto do pecado ou um desvio comportamental;
  8. Pode-se argumentar contra afirmando que Jesus utilizou a palavra eunuco nesse trecho de forma literal – como se‘’eunucos’’ se referisse apenas aos homens castrados; porém, dois fatos derrubam tal argumento: 1) Jesus fala acerca de três tipos de “eunucos”, revelando que estamos diante de um termo bastante amplo para a época; 2) Jesus usou “eunuco” de forma figurada para se referir aos celibatários no “terceiro eunuco”; se Jesus utilizou uma figura de linguagem num trecho da sentença, pode-se ter utilizado em outra, como no trecho “eunucos de nascença”;
  9. Também há uma contradição em afirmar que alguém nasce ‘’castrado’’, ‘’eunuco’’ de forma literal. Oras, é necessário possuir suas genitálias de antemão para serem removidas e assim, se tornar um castrado; é impossível alguém nascer castrado! Como e por quê se castraria um feto no ventre da mãe? Já ser um “eunuco” posteriormente, ao remover seus testículos, sem a produção de testosterona, o homem perde a libido, o impedido de se casar, encaixando no critério do segundo eunuco;
  10. Pressupondo que os ‘’eunucos de nascença’’ são apenas os deficientes congênitos, e se a Bíblia liberasse qualquer deficiente de nascença com atração por mulher da ordenança do casamento, logo, eles teriam obrigatoriamente a serem castos a vida toda para não cair em tentação, pois, se um deficiente tem atração sexual por mulher, eles também ficariam com várias mulheres ao longo da vida fora de um casamento para sanar sua libido, pois se for com apenas uma mulher, melhor que se case com ela também! Não há lógica. Outra dificuldade seria definir o que é um ‘’deficiente de nascença’’: um anão seria? Ou um hermafrodita? Isso abriria brechas para proibir o casamento de muitas pessoas; cegueira ou infertilidade, por exemplo, impedem homens de se atrair ou de querer se casar com uma mulher?
  11. Se considerarmos apenas os assexuados como os ''eunucos de nascença'', esse texto afirmaria que a libido humana ou a sua ausência é uma condição dada apenas por Deus aos homens desde o seu nascimento. Logo, se for pecado ser gay, ele está o tentando, algo antibiblico;
  12. Se afirmar que apenas a assexualidade é uma condição dada por Deus, logo, a própria libido seria uma escolha, incluindo a libido do heterossexual, algo também impossível; como Adão teria aprendido a se atrair por Eva?
  13. Em Romanos, carta escrita por Paulo, há o trecho mais usado como “antigay” na Bíblia; é importante lembrar que o próprio apóstolo Pedro afirmou que as epístolas de Paulo às vezes tinham ‘’trechos difíceis de entender’’, em que ‘’ indoutos e inconstantes torcem” (2 Pedro 3:16); se eram trechos difíceis de se entender na época para um apóstolo, imagine 2.000 anos depois para nós! Romanos 1:26-27 pode ser um desses trechos a que Pedro se referiu;
  14. Se usarmos Romanos 1:26 para condenar as lésbicas, foi usada uma figura de linguagem para tal, já que não sabemos ao certo, que ''uso natural'' é esse que elas mudaram; isso não é explícito;
  15. Se Paulo se referiu as lésbicas nesse trecho, de forma figurativa, ou seja, fez uso de figuras de linguagem para se referir as mulheres, logo, "semelhantemente", ele também pode ter usado para se referir aos homens; logo, homens nesse trecho necessariamente não precisam se referiam a homossexuais, ficando vago sua definição, sendo necessário avaliar o contexto;
  16. O tema do contexto de Romanos 1:23-28 é a idolatria praticada pelos romanos, em que nos cultos pagãos, é sabido que homens heterossexuais praticavam sexo homogenitais com outros homens nos ritos orgásticos; a idolatria é um dos temas centrais do capítulo e isso fica evidente pelos versículos 23 a 25. O Versículo 26 inicia-se com a expressão “por isso”, ou seja, o que está explícito a partir desse ponto é o resultado das ações humanas descritas nos versos anteriores;
  17. Em Levítico 18:22, outro versículo largamente usado como antigay, diz que homem deitar com homem, como se fosse mulher é uma abominação; a palavra abominação vem do hebraico toevah ou do grego bdelygma, ambos significam "impureza" ou "ofensa ritual", logo, o tema de Levitico 18 também é idolatria, assim como Romanos 1;
  18. Abominação, no antigo testamento, é largamente usado para se referir a práticas de idolatria, como consultas a necromantes, feiticeiros, adivinhadores e prognosticadores (Deuteronômio 18.10-12); o sacrifício de animais defeituosos (Deuteronômio 17.1); adorar imagens (Deuteronômio 7.25); a queima de incensos (Jeremias 44:4-6); a prostituição cultual, sacrifício de crianças e fazer imagens de ouro e prata (Ezequiel 16); deve-se sempre enfatizar que a Bíblia não foi escrita em nosso idioma, e a etimologia das palavras podem mudar ao longo da história;
  19. Levítico fala de sacrifício de crianças a deus Moloque um versículo anterior ao 22 (Lev 18:21), logo, reforça que o tema do capítulo 18 de Levitico é a idolatria e práticas pagãs;
  20. Levítico 18:3 proíbe seguir os ‘’estatutos do Egito e dos cananeus’’, novamente comprovando que o tema central aqui é idolatria; em Ezequiel 18:9 o Senhor diz que quem andar nos ‘’meus estatutos, e guardar os meus juízos, e proceder segundo a verdade, o tal justo certamente viverá’’, distinguindo a palavra estatuto; mais adiante, no verso 12, diz ‘’levantar os seus olhos para os ídolos, e cometer abominação’’, reforçando o significado principal de abominação na Bíblia para coisas idólatras;
  21. A presença na frase da expressão ‘’como uma mulher’’ em Lev. 18:22 pode ser interpretado como homens que abandonam sua condição natural, hétero, para deitar-se com outros homens, pela imposição do culto religioso; gays não se deitam com homens como se fossem mulheres;
  22. Faz sentido nesses versículos se referirem a homens heterossexuais praticando atos homogenitais entre si, pois ao se referirem a rituais pagãos, é certo que havia muitos homens héteros que participavam desses cultos, já que eles eram públicos; assim como as mulheres que sacrificavam seus filhos aos deuses, certamente, ambas práticas eram sacrifícios extremamente vergonhosos e nada agradáveis para agradar aos seus deuses; se a maioria dos homens dessas sociedades pagãs eram gays, como repunham a população sem novos nascituros? É sabido que os egípcios chegava a milhões de súditos (1 a 8 milhões de pessoas);
  23. Se levarmos esse versículo de Levítico literalmente ao pé da letra, logo, apenas ‘’deitar’’ com outro homem é pecado. Beijar, desejar, namorar, se afeiçoar, pegar na mão, ou até o sexo em pé, sem estar deitado, estaria liberado aos gays, sem configurar pecados?;;
  24. Se levarmos no sentido figurado, logo, pode não se tratar de relações homoafetivas tradicionais nesses versos; "homem" pode ser referir a homens héteros unicamente, não aos gays, já que até os dias de hoje é comum confundir sexualidade com gênero, podendo certamente acontecer o mesmo na época; em resumo, gays poderiam não ser considerados homens na época como acontece muito hoje;
  25. Levítico 20 trata acerca das penas de diversos crimes anteriormente ditos nos capítulos anteriores; está escrito no verso 18 que a acaso um homem se deitar com outro homem como com mulher, ''certamente morrerão''. Há uma ambiguidade aqui: é uma consequência do ato ou uma ordem de execução? Se for uma consequência, sabemos que isso não acontece, senão estaria acontecendo um genocídio gay nesse momento; nesse versículo também usa-se a palavra ‘’abominação’’, que como se sabe, significa na Bíblia ‘’impureza ritual’’;
  26. Em Levítico 20, do versículo 2 ao 5 é novamente sobre a sacrifícios de crianças a Moloque, o 6 sobre adivinhadores e encantadores, 8 e 22 fala sobre ‘’estatutos’’, o 23 exorta a não andar nos costumes de nações pagãs e o 27 sobre necromancia ou espírito de adivinhação; ou seja, aqui se confirma as práticas idólatras do capítulo 18;
  27. 1 Coríntios 6:9:20, outra passagem comumente dita ser ''anti-gay'', se usa duas palavras intraduzíveis para nosso tempo: malakoi e arsenokoitai, e ao longo da história, foram traduzidas de muitas maneiras diferentes;
  28. Paulo utilizou essas duas palavras numa mesma lista de pecados, de forma seguida; que sentido teria ele de repetir o mesmo suposto pecado duas vezes seguidas, na mesma lista? As cartas Paulinas não eram escritas de forma coloquial ou informal, mas bastantes formais e escritas várias e várias cópias (Romanos 16:22), revelando se tratar de textos oficiais e bastante difundidas;
  29. Malakoi já foi traduzido como: "depravados", "pervertidos", "efeminados", "efebos", "meninos prostitutos", "masturbadores", "pusilânime", o que já torna a palavra intraduzível de forma fiel atualmente, por se tratar de traduções bastante diferentes, revelando a dificuldade de entender seu real significado;
  30. Efeminado, uma tradução mais comum atualmente para malakoi, no dicionário de línguas portuguesa de Cândido de Figueiredo, de 1913, significa ''ser mulherengo'', algo bem diferente de ser gay;
  31. Efeminado é um termo que atualmente é mais usado para indivíduos com trejeitos femininos; porém, um afeminado não necessariamente é gay; é sabido que existem héteros afeminados, assim como gays másculos; o másculo iriam ser salvo, mas héteros afeminados não? Outra dificuldade é que ser afeminado ou masculino muda constantemente de época para época: homens aristocratas, por exemplo, no século XVIII, para afirmar sua masculinidade, usavam salto alto, maquiagem e perucas;
  32. Arsenokoitai foi uma palavra inventada por Paulo, usando neologismo, e até hoje não se sabe ao certo o que ele queria dizer com arsenokoitai; essa palavra só foi usada duas vezes em toda história da literatura, dificultando ainda mais seu entendimento; a tradução mais comum atualmente é sodomita, palavra extremante alterada em seu significado ao longo da história;
  33. A palavra “sodomita”, por séculos significava perverso; porém, Tomás de Aquino, por volta do século XII, na sua obra Suma teológica, reformulou a palavra “sodomia” para abranger as ‘’imoralidades sexuais’’, que abarcavam uma enorme quantidade práticas, que ia da bestialidade ao sexo anal;
  34. Em nenhum momento, a Bíblia afirma que Sodoma e Gomorra caíram por causa da homossexualidade; ao contrário, o próprio Jesus, em Mateus 10:15, reforça que o principal pecado dos sodomitas foi a falta de hospitalidade; Deus afirmou que destruiria Sodoma somente se não achasse nenhum justo na cidade; apenas 10 justos já seriam suficientes para Deus poupar seus moradores (Genesis 18:32); se o pecado de Sodoma e Gomorra fosse a homossexualidad de seus moradores,, como a cidade poderia existir constantemente se não haviam nascimentos de relações heterossexuais?
  35. Somente algumas versões modernas da Bíblia, covardemente, começaram a traduzir como homossexual passivo e homossexual ativo as palavras”malakoi” e “arsenokotai”; porém, é fato que não existe a palavra homossexual na Bíblia, que não existe nenhuma palavra que seja usada para se referir a gay unicamente na Bíblia, exceto ‘’eunucos de nascença’’, proferida por Jesus;
  36. Jesus nos alertou intensamente acerca dos fariseus, mas também dos escribas, que escrevem e traduzem as Escrituras (Mateus 23);
  37. Jesus nunca poupou as palavras parar denunciar as transgressões do mundo: adultério, prostituição, matar, heresia, roubar, a falta de amor, a blasfêmia, mentir, não perdoar etc. Por que ele nunca condenou veementemente do ‘’pecado abominável e terrível” da homossexualidade?
  38. A Judéia, na época de Jesus, era parte do Império Romano, império em que a prática homossexual era extremamente comum e aceitável; ou seja, existia gays na época convivendo com Jesus; por que Jesus nunca “curou” algum?
  39. Como os 3 versículos ‘’anti-gays’’ da Bíblia, Romanos 1:26-27, Levítico 18:22 e I Coríntios 6:10, são, á luz da hermenêutica, refutados, ou no mínimo, duvidosos, fica claro que toda condição humana que, de nascença, impeça um homem de se atrair por uma mulher, está livre da ordenança do casamento segundo o próprio Cristo Jesus: homossexuais, transsexuais e assexuados.
  40. Paulo, ao falar sobre o casamento em 1 Coríntios 7, sobre a virgindade, as viúvas e os solteiros, ele não faz menção direta aos homossexuais; mas diz no verso 7: ‘’Porquanto gostaria que todos os homens estivessem na mesma condição em que eu vivo, contudo, cada ser humano tem seu próprio dom da parte de Deus; um de determinado modo, outro de forma diferente.’’, podendo ser uma interpretação de Paulo ao que Jesus disse em Mateus 19;
  41. Um termo importantíssimo para se referir a vida sexual humana na Bíblia é porneia, um termo grego traduzido principalmente de 3 formas diferentes na Bíblia: prostituição, fornicação e imoralidade sexual; os 3 termos são muitos diferentes entre si, logo, há confusão nas traduções; muitos argumentam que homossexualidade também entraria como ‘’imoralidade sexual’’, mas não há nada na Biblia dizendo ‘’homem se relacionar com homem é porneia’; e o termo porneia não aparece na carta aos Romanos;
  42. Jesus disse em Mateus 15:19: ‘’Porque do coração procedem os maus pensamentos, mortes, adultérios, porneia, furtos, falsos testemunhos e blasfêmias. Logo, porneia não significaria adultério, senão, Jesus estaria falando a mesma coisa seguida duas vezes na mesma frase! E imoralidade sexual é um termo muito amplo que também abrangeria o adultério, logo, porneia não pode significar tal adultério;
  43. Atualmente, usa-se ‘’fornicação’’ para designar qualquer prática sexual fora do casamento, logo, também abrangeria o adultério; assim, porneia também não pode significar tal termo, considerando a frase de Jesus na época;
  44. Assim, a melhor tradução para porneia seria prostituição, que é a comercialização do sexo; e mesmo usando ‘’fornicação’’ como tradução de porneia, o seu melhor significado também seria a ‘prostituição’: ‘’Fornice’’ era o arco da porta sob a qual as prostitutas romanas se exibiam. Jesus viveu na Judeia na época que fazia parte do Império Romano. E é maior a chance dos evangelhos tenha sido escritos em grego.
  45. Antigas Bíblias referem ao 6º Mandamento como "Não Fornicar", coisa que depois foi alterada pelos reformadores conservadores para "Não Adulterar", que já tem outro significado. Isso reforça a confusão desses termos ao longo da história;
  46. Paulo usa porneia em 1Co 6.18. Mas basta ler o contexto, que se perceberá que ele fala acerca da prostituição especificamente: ‘’Não sabeis vós que os vossos corpos são membros de Cristo? Tomarei, pois, os membros de Cristo, e os farei membros de uma meretriz (ou prostituta)? Não, por certo. Ou não sabeis que o que se ajunta com a meretriz, faz-se um corpo com ela? Porque serão, disse, dois numa só carne. (...) Fugi da porneia (...)’’; com essas conclusões, usar porneia como ”imoralidade sexual” pode apresentar como uma expressão ampla e controversa, suscetível a variadas interpretações ao longo do tempo; já utilizar “prostituição” torna o termo conciso;
  47. No Novo Testamento, há várias menções em que as leis do Antigo Testamento foram abolidas, pois Jesus já cumpriu todas elas em nosso lugar. (Hebreus 7:18-19; Atos 15:23-29; Gálatas 5:3; Filipenses 3:7-8); Jesus ao cumprir toda a lei por nós, ela foi passada (Mt 5:17-18). Logo, isso aboliria as leis de Levítico, acaso elas se referissem aos homossexuais; Atos 15 relata que a discussão acerca da validade do Antigo Testamento para os cristões acompanhou a Igreja desde o início: judeus convertidos contendiam-se com os gentios convertidos, dizendo que ‘’os circuncidados não serão salvos’’; a Igreja então fez o primeiro concílio de sua história e decidiu: ‘’Na verdade pareceu bem ao Espírito Santo e a nós, não vos impor mais encargo algum, senão estas coisas necessárias: Que vos abstenhais das coisas sacrificadas aos ídolos, e do sangue, e da carne sufocada, e da prostituição, das quais coisas bem fazeis se vos guardardes. Bem vos vá. (Atos 15:28,29); logo, as únicas leis dadas pelo espírito santo e os apóstolos a igreja seriam não idolatrar e realizar sacrifícios e não se prostituir;
  48. Há pesquisas historiográficas confiáveis que afirma que a Igreja primitiva realizava casamentos entre homens. Esses estudos são principalmente do importante historiador John Boswell; essa mudança radical da igreja aconteceu bem posteriormente, quando a Igreja Católica Medieval passou a considerar o sexo apenas para procriação, condenando assim também a homoafetividade; padres católicos chegaram a ter a ideia do sexo como sujo e maligno; porém, em nenhum local da Bíblia afirma categoricamente que o sexo é apenas para procriação; Paulo chega a afirmar que os casais não se recusem um ao outro, exceto por consenso mútuo no período de oração ou jejum, para não cairem em tentação (1 Co. 7:5); ou seja, quanto ao sexo, a Bíblia é enfática em condenar apenas o adultério e a prostituição;
  49. Quem afirma que sexo é somente para procriação usa justamente as passagens com a expressão “imoralidade sexual”, que como já foi dita, provém de uma palavra que significa prostituição, unicamente. A Bíblia não explícita o que é imoral no sexo consensual e amoroso; outra dificuldade em afirmar que o sexo é apenas para procriação seria a presença da forte excitação sexual no ato: se é apenas para ter filhos, por que Deus colocaria o prazer no sexo? A presença da clitóris na mulher também evidencia que o sexo não é somente para procriação, já que esse é o único órgão cuja função é unicamente dá prazer a mulher. Sua ausência não impede em nada a reprodução humana. Deus novamente estaria tentando o homem e a mulher a pecarem, ao dar prazer ao ato sexual, e claro, como dito, Deus não tenta o homem!
  50. A Igreja já perseguiu muitos grupos humanos na história usando versículos isolados e fora de contexto: curandeiras, negros, cientistas, ciganos, chegando ao ponto de perseguir e condenar a morte na fogueira até mesmo os canhotos, somente porque está escrito na Bíblia que a mão direita é divina! Nada impede que a interpretação atual acerca da homossexualidade também esteja extremamente equivocada e distorcida.
Por favor, se estiver algum motivo errado, refute-o, dizendo o número do motivo e contra-argumente, usando sempre a PALAVRA DE DEUS e fatos históricos, não a sua opinião ou a opinião do seu líder. Use textos coerentes da Bíblia e nunca fora do seu contexto. Nada de versículos isolados. Use a hermenêutica, a forma correta de ler a Bíblia. Não adianta me atacar, só prova que você não tem argumento suficiente, mas ataque o argumento! Não adianta só dizer que é pecado; prove, usando a BÍBLIA!
submitted by ederalk to brasilivre [link] [comments]


2019.08.25 00:22 KokishinNeko Subreddit Stats: portugal top posts from 2018-08-24 to 2019-08-22 19:51 PDT

Period: 363.06 days
Submissions Comments
Total 1000 79747
Rate (per day) 2.75 218.62
Unique Redditors 657 8974
Combined Score 448634 626594

Top Submitters' Top Submissions

  1. 5769 points, 16 submissions: MeltzerIsMyDaddy
    1. Quem quer namorar com o S̷̜̱̬̺͓͖͛̍́̿̽͠r̶̛̜͙̟̘̪̀̍̋͋̔̄͝.̶̳͓̯̰͎̠̎͜ͅ ̵̱͈̩̅͒̾̿͒́͠E̸̻͖̯̲̘͗̌͂͂͆̂̋͛͋͘n̷̻̥̽̋̍̀̄̀g̶̛̗̲̣̙͑̎́̌̍̚e̸̡̮̣̻͉̼̔̔͘n̶̛͈̯̝̺̊͋͋́͐̽̾͜͝h̸̟̰̣̞̝̱͖̒̈́͋e̶̺̜̪̍́̀͌̿̊͗̽̚̕͜į̶͈͚̻͖̔̐͛̏͊̒̄̑͜ͅr̵̭̫̻͆̉̓͜o̸̢̮̳͖͔̊ Agricultor? (749 points, 32 comments)
    2. PSP alerta para novidade tecnológica nos carros (616 points, 81 comments)
    3. Alta de Coimbra, década de 1930, Portugal (566 points, 69 comments)
    4. Sites de "Fake News" em Portugal (535 points, 250 comments)
    5. Spent the whole morning exploring Mosteiro dos Jerónimos, this natural hidden gem in Lisbon. Definitely the biggest surprise in the town in our opinion. (525 points, 60 comments)
    6. Autocarro urbano espetou-se contra um talho em Viseu esta manhã (375 points, 92 comments)
    7. RTP1 - Era uma vez um cuco que não gostava de couves (345 points, 35 comments)
    8. Portugal: Por cada 100 carros vendidos 5 já são elétricos (288 points, 187 comments)
    9. O grande "Tó Madeira" no trailer do Football Manager 2019. (287 points, 26 comments)
    10. E com 10 anos de atraso, SIC passa a emitir em HD. (285 points, 123 comments)
  2. 5313 points, 11 submissions: Jumpyer
    1. Porto, a cidade das gruas (751 points, 157 comments)
    2. Cuidado com o Miguel (705 points, 47 comments)
    3. O estagiário está com preguiça hoje (666 points, 57 comments)
    4. Quem estiver aborrecido com GoT, pode ver a versão tuga (664 points, 90 comments)
    5. O estagiário CM também queria participar no meme day (578 points, 12 comments)
    6. Manneken Pis vestido a rigor (420 points, 9 comments)
    7. Portugal faz hoje oficialmente 840 anos (385 points, 86 comments)
    8. Quando contas até 100 (365 points, 6 comments)
    9. Isto é a sério? (291 points, 154 comments)
    10. Resolvido o problema para quem não é de esquerda nem direita (280 points, 65 comments)
  3. 4769 points, 10 submissions: touny71
    1. Cristiano Ronaldo, viola portuguesa (1243 points, 92 comments)
    2. Turista brasileira salta do tabuleiro da ponte D. Luís.. Nua (635 points, 188 comments)
    3. Há 2 anos, 2 meses e 2 dias festejávamos assim. Obrigado Éder (623 points, 89 comments)
    4. Praça de touros na cratera de um vulcão. Graciosa, Açores (558 points, 74 comments)
    5. Faz hoje 1000 dias. Choremos um pouco (478 points, 51 comments)
    6. João Sousa e as meias-finais: “Estamos muito felizes, o trabalho duro compensa” (387 points, 15 comments)
    7. Está confirmado que a morte de uma idosa no prédio comprado por investidores chineses teve mão criminosa. (262 points, 74 comments)
    8. A SIC entrevistou um guarda prisional que estava no motim no EPL para contar o que se passou , cara tapada e voz distorcida para preservar a identidade. Depois fez uma entrevista ao representante do sindicato..que usava o mesmo casaco (255 points, 33 comments)
    9. Tourada é cultura. Fugir como um cobarde, faz parte (168 points, 301 comments)
    10. Animais do Gerês filmados por câmaras de trilho (160 points, 50 comments)
  4. 4006 points, 1 submission: Camarna
    1. Look who's coming to visit (4006 points, 71 comments)
  5. 3990 points, 8 submissions: gamma-ray-bursts
    1. A lembrar o passado: fui visitar uma vila pequena, pacata e envelhecida nos arredores de Coimbra: Espinhal. Lá encontrei esta mercearia à moda dos tempos que há muito já passaram. A dona já idosa diz que foi passada de geração em geração desde os avós dela. Deu-me uma certa nostalgia. (1010 points, 55 comments)
    2. Unhais da Serra, às portas da Serra da Estrela, ontem (603 points, 34 comments)
    3. [OC] Farol de "Aveiro" à noite (574 points, 37 comments)
    4. Farol da Barra de Aveiro, Verão (568 points, 53 comments)
    5. Coimbra, Portugal, a minha cidade preferida (497 points, 118 comments)
    6. Covilhã Paixão! (289 points, 51 comments)
    7. Nas entranhas de Portugal: Tortosendo (271 points, 38 comments)
    8. [OC] Mosteiro de Alcobaça (interior) (178 points, 8 comments)
  6. 3986 points, 6 submissions: VladTepesDraculea
    1. Pera... (1821 points, 65 comments)
    2. Enviaram-me um recorte de jornal sobre o cão do meu tio. O autor deste artigo levou 5 dias de choldra porque não caiu no goto do Spínola. (809 points, 69 comments)
    3. Isto de manhã está frio... (529 points, 104 comments)
    4. E o mini caixotim diz "FA-FA-FA-FA-FAK-U! (381 points, 17 comments)
    5. 💓 OLX (285 points, 79 comments)
    6. A conquistarmos o Mundo, um pastel de nata de cada vez! (161 points, 54 comments)
  7. 3954 points, 8 submissions: vcasqu
    1. Elevador da Bica. 1912 vs 2019 (823 points, 33 comments)
    2. Lisboa no inverno. (705 points, 29 comments)
    3. Rua do Ouro/Rossio. Início do século XX vs 2019 (567 points, 45 comments)
    4. Contra Relógio (do Arco da Rua Augusta) (565 points, 41 comments)
    5. “Se puderes olhar vê. Se puderes ver, repara”. José Saramago (514 points, 23 comments)
    6. Equilíbrio. Lisboa. Portugal. (354 points, 23 comments)
    7. Janelas de Lisboa. #1 (221 points, 13 comments)
    8. Terreiro do Paço, Lisboa. (205 points, 6 comments)
  8. 3950 points, 9 submissions: utilizador
    1. Lisboa, terça-feira, 27 de Junho de 1933 - Adeptos do Sporting ouvem através do rádio o jogo entre Sporting CP [3] vs FC Porto [1], em Coimbra para o desempate das meias finais do Campeonato Nacional de Portugal. (626 points, 34 comments)
    2. Começando com o hino da Espanha. (601 points, 66 comments)
    3. tremendous effort (591 points, 73 comments)
    4. Portugal in 1950 (588 points, 62 comments)
    5. para si, que é um homem... (438 points, 53 comments)
    6. Alta definição (335 points, 34 comments)
    7. Olha o robot. É prò menino e prà menina. Olha o robot. Trabalha muito e gasta pouco. Olha o robot. É muito útil pra quem manda. Olha o RADAR... em caixa de cartão? A foto é de hoje! Avenida Santos e Castro. (321 points, 76 comments)
    8. Dá jeito... o Hospital é ali perto e tudo! Road Rage Tuga Version! (286 points, 55 comments)
    9. Já tens carta? (164 points, 28 comments)
  9. 3814 points, 5 submissions: John-florencio
    1. Buraco negro visto através de um telescópio português! Incrível. (1848 points, 48 comments)
    2. Tenho feito estas ilustrações tradicionais para descansar do pc... eu divirto-me bastante a criar estas pequenas histórias! Mais nos comments. (678 points, 92 comments)
    3. Olá pessoal, vocês lembram-se desta imagem que partilhei aqui? Fiz uma uma campanha em alguns threads relacionados com o meu trabalho, e porque não fazer no Portugal também? Dou o ficheiro em alta resolução para fazerem um print (7k a 300dpi). ver comments para download. (589 points, 47 comments)
    4. CCCAPBCAD- Comité científico para a compreensão e análise das pessoas que bebem café antes de dormir. como sugerido por um user deste sub vou fazeou pelo menos tentar) um post semanal com estes velhotes. (385 points, 48 comments)
    5. Malta, partilho convosco a minha primeira banda desenhada, para um cliente na América, o que acham? (314 points, 112 comments)
  10. 3809 points, 5 submissions: aguadovimeiro
    1. The fucking of the french - 2016, colorized (1477 points, 46 comments)
    2. Somos Campeões do Mundo em Hóquei em Patins! (987 points, 92 comments)
    3. Isto do surf está na hora da morte... (646 points, 39 comments)
    4. Estava a pesquisar informações sobre um número que me havia ligado quando encontrei este comentário... (497 points, 20 comments)
    5. Topless presidencial (202 points, 27 comments)
  11. 3705 points, 6 submissions: daz_zeD
    1. Nova série da Netflix (876 points, 57 comments)
    2. Se calhar não damos tanto valor como o pessoal de fora. (862 points, 76 comments)
    3. Resumindo. (784 points, 50 comments)
    4. A Maria disse que queria as especiarias às 19h para fazer o jantar mas ainda deu pra ir ao Brasil beber um copo, se é que me entendes. (662 points, 64 comments)
    5. Com possibilidade de ficares efectivo no final claro. (343 points, 19 comments)
    6. Estuda rapaz... (178 points, 20 comments)
  12. 3029 points, 7 submissions: ForeverJamon
    1. Quando queres fazer um bolo mas tens... (1103 points, 60 comments)
    2. I lack the success to make a good title (743 points, 48 comments)
    3. Oi amigos, Jamon aqui (327 points, 166 comments)
    4. O meu Reddit secret santa 2018 (250 points, 45 comments)
    5. [Receita] Cinnamon rolls aka Rolos de canela tipo os do ikea (mas melhores) (238 points, 87 comments)
    6. [Receita] Bacalhau com batata palha e ovos aka Brás (194 points, 67 comments)
    7. [Receita] Como fazer um hamberder duplo com queijo (174 points, 105 comments)
  13. 2898 points, 4 submissions: GuaxininSexy
    1. concordam? (963 points, 141 comments)
    2. Estagiario! What else? (942 points, 86 comments)
    3. Tuga memo (742 points, 73 comments)
    4. Vi isto no twitter e tinha que partilhar aqui (251 points, 72 comments)
  14. 2873 points, 7 submissions: throwaway388292828
    1. eu quando reutilizo o saco de plástico do Pingo Doce (1040 points, 92 comments)
    2. Economia portuguesa em 2019 (609 points, 91 comments)
    3. 🚨 Nova operação da Autoridade Tributária (392 points, 37 comments)
    4. A reação do PS ao relatório da OCDE sobre Portugal (292 points, 7 comments)
    5. Pinto Monteiro, 22° Procurador Geral da República - o procurador que não procurava, que almoçava com quem devia procurar, arquivava tudo e que se preocupava muito com o segredo de justiça (214 points, 21 comments)
    6. Economia portuguesa a caminho do penta campeonato (167 points, 17 comments)
    7. Críticas à moderação (159 points, 3 comments)
  15. 2787 points, 2 submissions: LuNoZzy
    1. I was told to x-post this to this sub (2015 points, 128 comments)
    2. Homofobia (772 points, 79 comments)
  16. 2760 points, 9 submissions: fanboy_killer
    1. O PS não confirmou uma notícia obviamente inacreditável (719 points, 131 comments)
    2. Portugal apresenta a mais baixa taxa de violência e vitimização motivadas por racismo na UE (410 points, 241 comments)
    3. Portugal ultrapassa Rússia no consumo de álcool per capita (388 points, 106 comments)
    4. Variações - Teaser Trailer (242 points, 65 comments)
    5. 3 países (219 points, 84 comments)
    6. Maria Begonha e a estabilidade laboral (214 points, 91 comments)
    7. Tabela dos custos previstos para transferências por MBWay (213 points, 175 comments)
    8. NOS Primavera Sound - cartaz honesto (189 points, 58 comments)
    9. TAP é a companhia aérea menos pontual do mundo (166 points, 54 comments)
  17. 2702 points, 6 submissions: AqueleHumano
    1. Pela Nação, por Portugal!! (1190 points, 53 comments)
    2. Não reparem em mim, vou só deixar isto aqui. (555 points, 54 comments)
    3. Português detido em Espanha depois de conduzir em contramão a ler a Bíblia. (276 points, 61 comments)
    4. Poligrafo remove factcheck contendo confirmação de que Luís Montenegro é Maçon. Mais info. no interior. (233 points, 68 comments)
    5. Espero bem que o Centeno siga este conselho. (227 points, 24 comments)
    6. Fernando Mendes recusa convite da TVI e é o apresentador mais bem pago da RTP1. (221 points, 98 comments)
  18. 2665 points, 4 submissions: wakerdan
    1. Quando usam um tradutor automático... (1396 points, 57 comments)
    2. Jovens poetas portugueses (833 points, 84 comments)
    3. Vereador do CDS usa uma imagem de anime para se pronunciar sobre o polémico despacho (225 points, 130 comments)
    4. Greve dos motoristas de matérias perigosas terminou, Governo fala ao país às 8h00 (211 points, 157 comments)
  19. 2497 points, 7 submissions: pica_foices
    1. Nabeiro lança primeira cápsula de café com 0% plásticos, 0% micro-plásticos e 0% alumínio (739 points, 138 comments)
    2. Jovem português investigado pelo FBI e Unidade Nacional Contra o Terrorismo por tweets polémicos (446 points, 124 comments)
    3. "Segurança informática e de informação do Citius" in a nutshell (351 points, 126 comments)
    4. Assim começam incêndios devido ao vento, linhas eléctricas e má de limpeza florestal (321 points, 63 comments)
    5. Entrevista exclusiva: “Sou o Rui Pinto, o ‘John’ dos Football Leaks, e sei que as autoridades portuguesas não querem investigar os crimes” (242 points, 215 comments)
    6. A HBO streaming já está disponível em Portugal (202 points, 161 comments)
    7. Antiga jornalista da TVI (actualmente no rádio Observador) diz que Expresso ocultou trabalhos sobre a IURD a troco da compra de publicidade e investimento na emissão obrigacionista da Impresa (196 points, 25 comments)
  20. 2489 points, 7 submissions: TheShowaDaily
    1. Vista Aérea do Palácio Nacional de Mafra, Um palácio e mosteiro monumental em estilo barroco joanino. Os trabalhos da sua construção iniciaram-se em 1717 por iniciativa de João V de Portugal e terminada em 1730. (543 points, 44 comments)
    2. Interior da Igreja do Convento de Cristo em Tomar, Portugal, construída no Século XII (527 points, 27 comments)
    3. “Cidade de Lisboa, Capital do Reino Portugal” pintura Japonesa do Século XVII. Museu de Kobe. Japão (453 points, 20 comments)
    4. Fidalgo Português montado em um elefante durante viagem a Nagasaki, Japão. Pintura japonesa do Século XVI. (338 points, 66 comments)
    5. Lápide do Século XIII de um “Mudéjar” de Lisboa. Muçulmanos ibéricos que permaneceram em território reconquistado pelos cristãos. A inscrição em árabe traduzida diz: Eterno é Deus. Tem compaixão conforme a sua mercê, ó tu que tudo dominas, e olha[com misericórdia] para o sítio para onde fui mandado (243 points, 50 comments)
    6. Brasão do Reino de Portugal. Escultura de Andrea Della Robbia. 1505 (223 points, 7 comments)
    7. Portugueses em um navio japonês. Pintura do Século XVI (162 points, 21 comments)

Top Commenters

  1. 1Warrior4All (8044 points, 638 comments)
  2. AqueleHumano (8021 points, 422 comments)
  3. Numaeus (4614 points, 661 comments)
  4. ozzymustaine (3656 points, 218 comments)
  5. NGramatical (3654 points, 1105 comments)
  6. namny1 (3219 points, 93 comments)
  7. 4in4t92 (3049 points, 348 comments)
  8. Parshath_ (2994 points, 154 comments)
  9. OrangeOakie (2929 points, 325 comments)
  10. ManoRocha (2917 points, 121 comments)
  11. RiKoNnEcT (2749 points, 193 comments)
  12. fanboy_killer (2738 points, 164 comments)
  13. crabcarl (2645 points, 184 comments)
  14. touny71 (2560 points, 152 comments)
  15. Empirion (2364 points, 116 comments)
  16. MateusnotdaBiblia (2355 points, 200 comments)
  17. EarlPious (2294 points, 294 comments)
  18. VicenteOlisipo (2287 points, 182 comments)
  19. KokishinNeko (2246 points, 185 comments)
  20. TTRO (2233 points, 72 comments)

Top Submissions

  1. Look who's coming to visit by Camarna (4006 points, 71 comments)
  2. Esta montagem foi editada por mim. Demorou quase 4 meses fazer e agora está no Top 1 do subreddit oficial da Marvel. Surreal! by leunnam (2098 points, 346 comments)
  3. I was told to x-post this to this sub by LuNoZzy (2015 points, 128 comments)
  4. Buraco negro visto através de um telescópio português! Incrível. by John-florencio (1848 points, 48 comments)
  5. Pera... by VladTepesDraculea (1821 points, 65 comments)
  6. Tinha de ser dito by SamuelPuga (1762 points, 283 comments)
  7. (desculpem não sei se é suposto pôr aqui xD) encontramos 7 cachorrinhos abandonados perto do campus de gambelas em Faro. Se houver alguém na zona que queira e que esteja disposto de adotar era agradecido. Muito obrigado :) by kiubysore (1609 points, 61 comments)
  8. Ninguém avisou a gaivota que hoje é feriado by heldermendes (1589 points, 37 comments)
  9. Boas fodas, meus irmãos engenheiros! by average_user21 (1563 points, 50 comments)
  10. 25 DE ABRIL SEMPRE, FASCISMO NUNCA MAIS! by SrDoss (1482 points, 430 comments)

Top Comments

  1. 841 points: AqueleHumano's comment in Quero chibar-me às finanças. Serei doido?
  2. 728 points: Numaeus's comment in Meti uma casa a arrendar e..
  3. 624 points: taikoubou_'s comment in Turista brasileira salta do tabuleiro da ponte D. Luís.. Nua
  4. 592 points: Numaeus's comment in Visto que desperdiçámos a palavra autocarro com os autocarros o que vamos chamar aos carros que se conduzirem sozinhos?
  5. 532 points: SpinN20's comment in The Disappearance of Madeleine McCann Official Trailer [HD] Netflix
  6. 513 points: ozzymustaine's comment in A German attempt at baking broa
  7. 480 points: sup3rfm's comment in About my Portugal experience that I have been putting off on writing until now.
  8. 477 points: SpiritDown's comment in The Pentagon emits more greenhouse gases than Portugal, study finds
  9. 477 points: TTRO's comment in Quando dedicas um tempinho a ajudar os teus novos vizinhos da frente que ficaram fechados fora de casa
  10. 475 points: sbruno94's comment in Oi amigos, Jamon aqui
Generated with BBoe's Subreddit Stats
submitted by KokishinNeko to subreddit_stats [link] [comments]


2019.08.23 02:37 subreddit_stats Subreddit Stats: portugal top posts from 2015-05-16 to 2019-08-22 12:41 PDT

Period: 1558.69 days
Submissions Comments
Total 997 81570
Rate (per day) 0.64 52.32
Unique Redditors 663 10068
Combined Score 524070 681010

Top Submitters' Top Submissions

  1. 8783 points, 1 submission: ruisao
    1. Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage! (8783 points, 540 comments)
  2. 6872 points, 14 submissions: ForeverJamon
    1. Também queria partilhar um meme (1096 points, 49 comments)
    2. Quando queres fazer um bolo mas tens... (1093 points, 60 comments)
    3. I lack the success to make a good title (748 points, 48 comments)
    4. Coisa mai linda (523 points, 26 comments)
    5. [Receita] Happy 4/20! (465 points, 114 comments)
    6. Tinder em Portugal (x-post from /tinder) (427 points, 277 comments)
    7. Finalmente, aqui está a receita dos lanches. (387 points, 88 comments)
    8. "Chefe, fiz merda" (338 points, 83 comments)
    9. Oi amigos, Jamon aqui (331 points, 166 comments)
    10. Caros amigos, aqui está o video do AMA. Espero que gostem. Aquele abraço! (310 points, 126 comments)
  3. 5870 points, 13 submissions: MeltzerIsMyDaddy
    1. Quem quer namorar com o S̷̜̱̬̺͓͖͛̍́̿̽͠r̶̛̜͙̟̘̪̀̍̋͋̔̄͝.̶̳͓̯̰͎̠̎͜ͅ ̵̱͈̩̅͒̾̿͒́͠E̸̻͖̯̲̘͗̌͂͂͆̂̋͛͋͘n̷̻̥̽̋̍̀̄̀g̶̛̗̲̣̙͑̎́̌̍̚e̸̡̮̣̻͉̼̔̔͘n̶̛͈̯̝̺̊͋͋́͐̽̾͜͝h̸̟̰̣̞̝̱͖̒̈́͋e̶̺̜̪̍́̀͌̿̊͗̽̚̕͜į̶͈͚̻͖̔̐͛̏͊̒̄̑͜ͅr̵̭̫̻͆̉̓͜o̸̢̮̳͖͔̊ Agricultor? (749 points, 32 comments)
    2. PSP alerta para novidade tecnológica nos carros (613 points, 81 comments)
    3. "Terminas-te o 9º. ano?" (587 points, 183 comments)
    4. Alta de Coimbra, década de 1930, Portugal (564 points, 69 comments)
    5. Sites de "Fake News" em Portugal (534 points, 250 comments)
    6. Spent the whole morning exploring Mosteiro dos Jerónimos, this natural hidden gem in Lisbon. Definitely the biggest surprise in the town in our opinion. (527 points, 60 comments)
    7. Um gajo a trabalhar... (401 points, 12 comments)
    8. Autocarro urbano espetou-se contra um talho em Viseu esta manhã (379 points, 92 comments)
    9. RTP1 - Era uma vez um cuco que não gostava de couves (343 points, 35 comments)
    10. Caminhos de Ferro da Beira Alta (1920) (311 points, 28 comments)
  4. 5224 points, 8 submissions: John-florencio
    1. Buraco negro visto através de um telescópio português! Incrível. (1850 points, 48 comments)
    2. Sou artista/ilustrador e venho mostrar o meu trabalho :) (866 points, 166 comments)
    3. Tenho feito estas ilustrações tradicionais para descansar do pc... eu divirto-me bastante a criar estas pequenas histórias! Mais nos comments. (670 points, 92 comments)
    4. Olá pessoal, vocês lembram-se desta imagem que partilhei aqui? Fiz uma uma campanha em alguns threads relacionados com o meu trabalho, e porque não fazer no Portugal também? Dou o ficheiro em alta resolução para fazerem um print (7k a 300dpi). ver comments para download. (591 points, 47 comments)
    5. CCCAPBCAD- Comité científico para a compreensão e análise das pessoas que bebem café antes de dormir. como sugerido por um user deste sub vou fazeou pelo menos tentar) um post semanal com estes velhotes. (384 points, 48 comments)
    6. Malta, partilho convosco a minha primeira banda desenhada, para um cliente na América, o que acham? (309 points, 112 comments)
    7. Fiz um trabalho de fotografia onde fotografei duas famílias de ciganos a viver numa fábrica de tijolo. (285 points, 180 comments)
    8. Quando estamos descansados da vida, e um dos maiores ilustradores do mundo decide fazer review do meu portefólio em directo num dos maiores sites de criativos do mundo o Behance. (269 points, 71 comments)
  5. 5108 points, 10 submissions: Jumpyer
    1. Porto, a cidade das gruas (751 points, 157 comments)
    2. Cuidado com o Miguel (705 points, 47 comments)
    3. O estagiário está com preguiça hoje (670 points, 57 comments)
    4. Quem estiver aborrecido com GoT, pode ver a versão tuga (660 points, 90 comments)
    5. O estagiário CM também queria participar no meme day (576 points, 12 comments)
    6. Manneken Pis vestido a rigor (425 points, 9 comments)
    7. Portugal faz hoje oficialmente 840 anos (390 points, 86 comments)
    8. Quando contas até 100 (365 points, 6 comments)
    9. Isto é a sério? (292 points, 154 comments)
    10. Resolvido o problema para quem não é de esquerda nem direita (274 points, 65 comments)
  6. 4301 points, 9 submissions: utilizador
    1. Lisboa, terça-feira, 27 de Junho de 1933 - Adeptos do Sporting ouvem através do rádio o jogo entre Sporting CP [3] vs FC Porto [1], em Coimbra para o desempate das meias finais do Campeonato Nacional de Portugal. (629 points, 34 comments)
    2. Começando com o hino da Espanha. (609 points, 66 comments)
    3. Portugal in 1950 (591 points, 62 comments)
    4. tremendous effort (590 points, 73 comments)
    5. Entretanto, algures no Largo do Rato à porta da sede do PS. (494 points, 52 comments)
    6. para si, que é um homem... (442 points, 53 comments)
    7. Alta definição (336 points, 34 comments)
    8. Olha o robot. É prò menino e prà menina. Olha o robot. Trabalha muito e gasta pouco. Olha o robot. É muito útil pra quem manda. Olha o RADAR... em caixa de cartão? A foto é de hoje! Avenida Santos e Castro. (322 points, 76 comments)
    9. Dá jeito... o Hospital é ali perto e tudo! Road Rage Tuga Version! (288 points, 55 comments)
  7. 4202 points, 7 submissions: touny71
    1. Cristiano Ronaldo, viola portuguesa (1242 points, 92 comments)
    2. Turista brasileira salta do tabuleiro da ponte D. Luís.. Nua (637 points, 188 comments)
    3. Há 2 anos, 2 meses e 2 dias festejávamos assim. Obrigado Éder (623 points, 89 comments)
    4. Praça de touros na cratera de um vulcão. Graciosa, Açores (555 points, 74 comments)
    5. Faz hoje 1000 dias. Choremos um pouco (476 points, 51 comments)
    6. João Sousa e as meias-finais: “Estamos muito felizes, o trabalho duro compensa” (384 points, 15 comments)
    7. Ilhéu de Vila Franca do Campo, Açores (285 points, 15 comments)
  8. 4004 points, 1 submission: Camarna
    1. Look who's coming to visit (4004 points, 71 comments)
  9. 3836 points, 5 submissions: VladTepesDraculea
    1. Pera... (1822 points, 65 comments)
    2. Enviaram-me um recorte de jornal sobre o cão do meu tio. O autor deste artigo levou 5 dias de choldra porque não caiu no goto do Spínola. (804 points, 69 comments)
    3. Isto de manhã está frio... (533 points, 104 comments)
    4. E o mini caixotim diz "FA-FA-FA-FA-FAK-U! (392 points, 17 comments)
    5. 💓 OLX (285 points, 79 comments)
  10. 3824 points, 7 submissions: gamma-ray-bursts
    1. A lembrar o passado: fui visitar uma vila pequena, pacata e envelhecida nos arredores de Coimbra: Espinhal. Lá encontrei esta mercearia à moda dos tempos que há muito já passaram. A dona já idosa diz que foi passada de geração em geração desde os avós dela. Deu-me uma certa nostalgia. (1010 points, 55 comments)
    2. Unhais da Serra, às portas da Serra da Estrela, ontem (596 points, 34 comments)
    3. [OC] Farol de "Aveiro" à noite (580 points, 37 comments)
    4. Farol da Barra de Aveiro, Verão (569 points, 53 comments)
    5. Coimbra, Portugal, a minha cidade preferida (505 points, 118 comments)
    6. Covilhã Paixão! (294 points, 51 comments)
    7. Nas entranhas de Portugal: Tortosendo (270 points, 38 comments)

Top Commenters

  1. 1Warrior4All (8790 points, 633 comments)
  2. AqueleHumano (7577 points, 360 comments)
  3. ozzymustaine (3581 points, 183 comments)
  4. sup3rfm (3580 points, 209 comments)
  5. Numaeus (3569 points, 614 comments)
  6. NGramatical (3524 points, 918 comments)
  7. QuintoImperio (3377 points, 164 comments)
  8. namny1 (3215 points, 93 comments)
  9. Parshath_ (2986 points, 163 comments)
  10. RiKoNnEcT (2950 points, 223 comments)

Top Submissions

  1. Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage! by ruisao (8783 points, 540 comments)
  2. Look who's coming to visit by Camarna (4004 points, 71 comments)
  3. Esta montagem foi editada por mim. Demorou quase 4 meses fazer e agora está no Top 1 do subreddit oficial da Marvel. Surreal! by leunnam (2082 points, 345 comments)
  4. I was told to x-post this to this sub by LuNoZzy (2018 points, 128 comments)
  5. Buraco negro visto através de um telescópio português! Incrível. by John-florencio (1850 points, 48 comments)
  6. Pera... by VladTepesDraculea (1822 points, 65 comments)
  7. Tinha de ser dito by SamuelPuga (1760 points, 283 comments)
  8. (desculpem não sei se é suposto pôr aqui xD) encontramos 7 cachorrinhos abandonados perto do campus de gambelas em Faro. Se houver alguém na zona que queira e que esteja disposto de adotar era agradecido. Muito obrigado :) by kiubysore (1614 points, 61 comments)
  9. Ninguém avisou a gaivota que hoje é feriado by heldermendes (1584 points, 37 comments)
  10. Boas fodas, meus irmãos engenheiros! by average_user21 (1563 points, 50 comments)

Top Comments

  1. 842 points: AqueleHumano's comment in Quero chibar-me às finanças. Serei doido?
  2. 657 points: Greatmambojambo's comment in Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage!
  3. 619 points: taikoubou_'s comment in Turista brasileira salta do tabuleiro da ponte D. Luís.. Nua
  4. 596 points: Numaeus's comment in Visto que desperdiçámos a palavra autocarro com os autocarros o que vamos chamar aos carros que se conduzirem sozinhos?
  5. 529 points: SpinN20's comment in The Disappearance of Madeleine McCann Official Trailer [HD] Netflix
  6. 517 points: ozzymustaine's comment in A German attempt at baking broa
  7. 509 points: Saboni's comment in Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage!
  8. 489 points: MagnusCallicles's comment in Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage!
  9. 480 points: TTRO's comment in Quando dedicas um tempinho a ajudar os teus novos vizinhos da frente que ficaram fechados fora de casa
  10. 480 points: sbruno94's comment in Oi amigos, Jamon aqui
Generated with BBoe's Subreddit Stats
submitted by subreddit_stats to subreddit_stats [link] [comments]


2019.04.15 04:28 olavodocaralho Você ai que está na faixa dos 25~30 anos e não está com a carreira estabelecida

Como faz para se relacionar com outras pessoas?
Tenho 28 anos e o que eu vejo são as garotas mais novas em busca de caras com a minha idade que já estão encaminhados na vida( O que não tem nada errado nisso)
Eu acho que até conseguiria arrumar alguns encontros no Tinder e enrolar as garotas até o 2° ou 3° encontro, o problema é que parece que nós somos definidos por quanto nós ganhamos.
Não ter dinheiro nunca foi um empencilho para eu me relacionar e namorar até alguns anos atrás, porém desde o ano passado quando terminei um namoro de 2 anos e meio (ela terminou), não consigo me ver me envolvendo com alguém novamente.
Tô com um corpo legal, por volta de 13% bf. Pretendo chegar aos 10% daqui uns 2 meses, até comprei ioimbina para auxilar. Tenho me apegado muito a minha estética, pois sinceramente é tudo que eu tenho para oferecer hoje( minha moeda de troca).
Fico me perguntando como as pessoas com emprego ruim ou sem emprego se relacionam depois que passa o período do colégio/faculdade.
Se você está nessa minha situação ou conheça alguém que esteja, eu ficarei muito grato em ouvir seu relato.
submitted by olavodocaralho to desabafos [link] [comments]


2019.01.29 22:38 guizocaa Gostaria de contar pra vocês a história do meu último namoro

Tudo começa em uma sexta em que eu combinei com um amigo da faculdade (ambos formados já) para fazer alguma coisa. Ele me diz que uns amigos dele haviam o chamado para fazer algo também se eu não gostaria de me juntar a eles. Na verdade eu não queria. Estava prestes a inventar uma desculpa pra não ir, mas acabei mudando de ideia por estar entediado em casa.
Chego lá antes e o encontro. Depois chega um outro amigo dele e, mais tarde, duas amigas. São duas irmãs. Ficam dois núcleos de conversa: o primeiro entre mim, meu amigo e a Rafa e o outro entre a irmã dela e a irmã. Eu a achei muito mala, além de que tivemos umas discussões mais incisivas para pessoas que haviam acabado de se conhecer.
Gostei dela.
Depois esse meu amigo me diz que elas gostavam de board games, então combinamos um tempo depois de jogar Catan na casa dele. Também me falou que elas são da igreja dele (Presbiteriana) e também moram no mesmo condomínio. No fim da noite da jogatina tive a oportunidade de pegar o whatsapp dela. A parte mais interessante é que elas tinham que ir embora porque era meia-noite, uma regra dos pais. O mais interessante ainda é que uma tem 31 anos e a outra 30.
Começo a falar com a Rafa e a chamo para sair. Recebo um belo 'não'. Ela diz que prefere ficar solteira e que eu não seria alguém que os pais dela aprovaria (Isso em junho do ano passado).
O ponto é que eu tenho 27 anos e fui criado em uma igreja Presbiteriana Independente, mas havia deixado de frequentar há muito tempo por algumas razões, sendo a principal dela a pouca fé (ou alguma fé).
Ao invés de seguir o jogo, ela demonstrou interesse na minha amizade e continuávamos nos falando constantemente. Ficamos bastante amigos.
Outro ponto relevante de levantar é que sou uma pessoa desleixada e preguiçosa e estava em um período ocioso, além de fora de forma. Apesar de formado em direito, eu nunca fui exercer porque no fim do curso eu já odiava e trabalhava na empresa do meu pai e do meu irmão de semijoias que ainda era nova (ainda é, mas crescemos bem).
Meu interesse por ela me incentivou a levar as coisas mais a sério. Voltei a treinar jiu jitsu, boxe e tomar um rumo da vida de vez. E fui crescendo enquanto ela foi se interessando mais por mim aos poucos. Mas a gente 'brigava' porque eu sempre queria mais que amizade e ela batia na tecla de ser solteira e dos pais e, quanto mais o tempo passava, mais os pais que eram citados mesmo. Já teve várias complicações no passado por namorados desaprovados.
Esse meu amigo vivia me chamando pra voltar pra igreja e acabei aceitando, sendo que ela também foi um incentivo. Acabei me dando bem por lá e isso me deixou feliz.
Teve o aniversário dela no fim de agosto e depois fomos para minha casa passar um tempo com uns amigos juntos. Entreguei o presente dela e foi a situação perfeita para o primeiro beijo nosso, mas acabou não rolando.
Na semana seguinte, combinei com o outro amigo que também conheci naquela sexta para ir ao culto de jovens no sábado. Duas horas antes ele disse que não podia ir. Comentei com ela que iria sozinho e ela acabou dizendo que ia comigo. Depois fomos comer comida japonesa (ela ama) e ali nos beijamos pela primeira vez .
Mas é claro que ainda tinha um problema: os pais. Na verdade, quando eu digo pais significa a mãe. O pai dela é meio indiferente, pois ele se importa mais em não ser incomodado. Aliás, ele é um pastor pentecostal. A mãe frequenta a Universal, é uma pessoa extremamente desequilibrada (óbvio que partindo de mim é uma posição bastante enviesada). Ultra controladora e briguenta. Os pontos que a Rafa citava que faria a mãe ser contra: eu não ter maturidade espiritual, a diferença de idade e a questão profissional, considerando que eu ainda estava retomando meu rumo.
Combinamos em uma segunda de eu ir jantar na casa dela e fui apresentado como um amigo que estava querendo a conhecer (mancada nossa ter mentido) e ela percebeu que já éramos mais que amigos, então as duas brigaram depois que fui embora (ainda dei um chocolate para a mulher).
Nós discutimos a situação e decidimos que tentaríamos ficar juntos. No domingo dia 23 de setembro, eu finalmente a pedi em namoro. Até comprei uma bonita aliança.
Como a mãe era contra, para fazer a Rafaela terminar comigo ela a proibiu de usar a máquina de lavar roupa da casa e as panelas, forçando-a a lavar nas mãos suas roupas e ter que se virar pra fazer comida.
Isso me fez pensar em terminar com ela, porque não queria que ela passasse por isso por minha causa. No sábado seguinte nós fomos ao shopping e depois comer comida japonesa no mesmo lugar.
Naquela semana, recebo mensagem no whatsapp do Pastor Joézer, que era da igreja em que eu fui criado. Óbvio que fiquei surpreso, mas sabia de alguma forma que a mãe tinha algo a ver com isso. Ele pergunta se pode me ligar, o que me estranhar mais ainda. Pois bem, ela achou o número dele e começou a falar de mim e que era contra o namoro, gritava no telefone. Não sei ao certo que ela queria com isso, se esperava descobrir algo ruim sobre mim. Ele só falou bem de mim e avisou que o comportamento dela era de alguém com uma patologia mesmo. Era uma pessoa doente.
No domingo, chamei-a para almoçar com minha família e ela aceitou. Chegando na escola dominical de manhã, ela me mandou uma mensagem dizendo que não ia poder ir mais. Sim, ela terminou comigo naquele dia. A pressão da mãe funcionou (ela ameaçou contar para os pastores da igreja coisas sobre os namoros passados dela).
Nunca senti tanto ódio na minha vida quanto eu senti por essa mulher. Duas semanas depois, por sentir muita falta um do outro, decidimos nos encontrar. Passamos uma tarde juntos e eu tinha um casamento de um amigo que não deu pra ela ir (ela é engenheira civil e dá aula à noite). Nós discutimos se voltaríamos ou não o namoro. Naquele sábado, combinamos de jogar Catan na casa daquele meu primeiro amigo e tenho a péssima ideia de nos encontrarmos uma hora antes pra passarmos um tempo juntos. Eu a encontro em uma rua perpendicular à rua do meu amigo que tem uma mesa e banquinho. Ela está muito tensa porque percebeu que a mãe suspeita de algo. Nós discutimos mas logo nos entendemos. Tempo depois, surge o carro da irmã na rua e a mãe no banco de passageiro. Ficamos nos encarando por segundos que pareciam horas. Ela manda a Rafa entrar no carro e começa a discutir comigo, dizendo que eu tornei a filha dela uma pessoa rebelde, que ela era obediente e que foi o diabo que me colocou na vida da filha dela. Logo gritava "PRESBITERIANO INDEPENDENTE NÃO ENTRA NA MINHA CASA! PRESBITERIANO INDEPENDENTE NÃO ENTRA NA MINHA CASA!" (já entro no ponto do motivo).
Depois daquele dia (foi um sábado acho que 13 de outubro), ela foi proibida de falar comigo ou seria expulsa de casa. No dia seguinte, a mãe tomou o celular dela e só devolveu na segunda porque ela usa pra trabalho.
Depois disso, foram tempos estranhos. Principalmente por frequentarmos a mesma igreja, termos os mesmos amigos lá e moramos 7min um do outro. E a irmã dela fica de olho se ela não fala comigo, além de me odiar por causas das brigas que aconteceram na casa em função do nosso namoro.
É uma situação muito estranha, ainda mais porque eu amava ela (ainda amo).
Existem muitas situações e detalhes que deixei de fora por questão de exposição e que este texto já ficou muito grande.
Ah, sobre os presbiterianos independente. Há uns 30 anos, o marido dela era pastor de uma presbiteriana independente. Ele passou para uma linha mais pentecostal e começou a pregar por lá questões que saiam da doutrina presbiteriana e isso dividiu a igreja. Inevitavelmente, ele foi convidado a se retirar. O ponto é que ele vivia na casa pastoral e, como não era mais pastor, teve que se retirar de lá também, mesmo tendo duas filhas pequenas (a rafa tinha um pouco mais de um ano e a outra era bebê). Isso criou um trauma neles que nunca se recuperaram. E onde que eu entro nessa história? Bom, havia várias pessoas da família do meu pai que frequentavam aquela igreja, sendo que um tio do meu pai era presbítero (pra quem não sabe, pense no presbítero como o poder legislativo da igreja e que o pai da rafa sofreu um impeachmeant). Esse tio é um baita traste, por sinal. Eu imagino o impacto que teve pra mãe da Rafa quando soube meu sobrenome.
Outro ponto que odeio é o fato de que ainda tinha que ouvir a música "dona Maria deixa eu namorar a sua filha..." (sim, a mãe tem Maria no primeiro nome).
Bom, quem sabe no dia em que ela se mudar. Por ora, não fazemos parte da vida um do outro. Ela sempre fica tensa quando me encontra por medo da irmã achar que está rolando algo. Domingo passado mesmo ela me cumprimentou e correu. É bem ruim achar que encontrou a pessoa que vai querer passar sua vida junto e esse tipo de coisa acontecer.
O certo era eu revisar esse texto mas cansei já.
Respondo (quase) qualquer pergunta sobre isso.
submitted by guizocaa to brasil [link] [comments]


2018.10.14 04:30 Garbage_honey9 [Desabafo] Me sinto perdido e abandonado

Me sinto deprimido desde meus 13 anos por ser gay e viver em cidade pequena e conservadora no interior de Santa Catarina. Tentei me matar ainda com 13 mas não deu certo, e por um lado agradeço pois sempre quis viver. Minha vida foi miserável durante toda minha adolescência, nunca tive amigos, sempre tive problemas de imagem e baixa auto-estima. Isso continuou até meus 19 anos quando passei pra UFSC e me mudei pra capital. Nessa época comecei a tomar medicação pra ansiedade e me soltar como nunca antes. No princípio tinha meus medos de enfrentar homofobia, mas logo percebi que aqui eu podia ser eu mesmo. Conheci um amigo que me introduziu ao Tinder, e logo comecei a usar também, assim como Grindr e Hornet. Foi com um cara que conheci no Tinder que perdi meu BV e minha virgindade. Ele tinha uns 40 anos e eu 19. Quando vi ele pessoalmente pela primeira vez já me senti mal, pq ele não era o que eu imaginava, mas eu não tive coragem de dizer não. Demos um passeio no carro dele pela cidade, depois ele me levou pra casa dele e já veio pra cima e transamos. Não foi bom, não gostei e acho que isso pode ser sido o motivo de eu não gostar de sexo até hoje. Mas mesmo apesar disso, comecei a sair com vários caras e transar com muitos homens, por causa da minha baixo auto-estima. Eles me elogiavam e isso me deixava feliz. Minha tristeza voltava e "self-worth" caía se eu ficasse sem sair com alguém por um semana. Então eu continuava saíndo, mesmo não gostando do sexo. Cheguei a marcar mais de um encontro por noite, e também cheguei a sair com uma pessoa por noite durante uma semana. O tempo passava e meu vazio não era preenchido. No final do ano, cheguei a conhecer um guri que gostei bastante, ficamos por um mês e ele me deixou. Disse que ia fazer um intercâmbio e não queria estar preso a alguém. Isso me arrasou. Eu ainda era muito imaturo e sem experiência na vida. Logo voltei a sair com vários homens. Comecei a fazer sem camisinha com alguns que eu achava "confiáveis", so julgando pela aparência e atitude. Nessa época (1o semestre de 2017) cheguei até a fazer alguns programas por menos de 50 reais (eu não me dava nenhum valor). Tudo continuou até o fim do ano passado, quando conheci um cara, mais velho também, que comecei a sair com certa frequência e começamos a transar sem camisinha. Em Janeiro desse ano quando fui pegar o resultado dos meus exames no postinho a bomba veio: fui diagnóstico HIV positivo. Meu mundo desabou completamente. Voltei a pensar em me matar, chorava o dia todo, se antes já tinha uma opinião baixa de mim mesmo agora me sentia a escória da escória. Aguentei só uma semana antes de contar pra 2 amigos. Eles me deram apoio, foram legais, mas o estrago já estava feito. Logo depois meu melhor amigo começou a namorar e basicamente me abandonou. Ele não saia mais comigo, e parou de me visitar. Foi o pior semestre da minha vida, eu chorava e me acabava constantemente, sempre pensando em me matar. Porém nunca tive coragem de ir adiante. Eu sempre fui otimista e sei que o pior passa. Foi o momento mais sombrio da minha vida, e tive que passar por ele sozinho, sem apoio de amigos ou familiares. Comecei a me sentir melhor na metade desse ano. Me sinto mais maduro e inteligente depois disso, e por um lado acho que eu não teria acordado se isso não tivesse acontecido. Então, por um lado, apesar do inferno que foi, me ajudou sem dúvida a me melhorar como pessoa. Mas por outro, eu agora sinto repulsa de sexo. Desde que descobri o meu status, só transei uma vez em março e foi o pior sexo que já fiz. Não consegui sair com mais ninguém desde entao. Sinto vergonha de mim mesmo e do meu corpo (antes não sentia vergonha do meu corpo), e não sei se isso vai melhorar. Sempre fui passivo e hoje sinto nojo de me deixar ser "usado" por outra pessoa. Sinto vergonha de tudo que fiz desde que saí da minha cidade. E tenho medo de nunca conseguir achar alguém que goste de mim. Desculpa pelo texto, deve estar super mal escrito, fui escrevendo ao longo que fui retomando as memórias, e sei que não consigo transmitir bem o que sinto em forma escrita. Eu queria tirar isso do meu peito pra quem sabe seguir em frente mais tranquilamente.
submitted by Garbage_honey9 to arco_iris [link] [comments]


2017.04.13 18:30 sgleyceellen Casca(corpo) de 19 Espírito de 90.

Eu tenho 19 anos, dos 13 aos 18 minha vida foi um verdadeiro inferno, aos 13 meu pai foi preso, aos 15 frequentei hospitais psiquiátricos em busca da solução das minhas notas baixas na escola. Eu nunca tive amigas, nunca fui a clubes, nunca tive coragem de mostrar meu corpo, aos 16 eu comecei a tomar um medicamento que me ajudava a não ouvir vozes.
Era um medicamento para esquizofrenia. Eu engordei, cheguei aos 80 quilos, e por ter medo de sair de casa eu não fazia atividades físicas (mas nunca contei isso para a médica) me vieram as estrias, eu tenho estrias por todas as partes do meu corpo, nas axilas, nos seios (oq mais me causa tristeza) na barriga e entre as pernas, com muito custo eu emagreci pro meu namorado e agora peso 67.
Começamos a namorar quando eu tinha 17, ele era minha razão para viver, emagreci por ele, alisei os cabelos por ele, fiz de tudo por ele e estava disposta a fazer o impossível para ser a mulher que ele sempre sonhou. Isso me fez bem, mas aí nós terminamos simplesmente terminamos. Ele era bom e não me arrependo de nada.
Hoje aos 19, eu sinto um vazio infernal, um vazio capaz de me matar, vejo adolescentes na rua, se divertindo, sendo amigos, todos tão lindos...as meninas com seus cabelos charmosos, a barriga de fora, os meninos super maneiros e de repente me pego nos meus 15 anos, cabelos leves,curtos, sem brilho, roupas sem graça, sozinha, tudo que eu queria era ser como aquelas garotas.
Depois de tudo, depois das estrias, sinto que ninguém NUNCA vai me aceitar no seu circulo de amizades, eu serei sempre feia, eu sei que pode parecer frescura, mas sinto um vazio imenso por causa disso. Eu gostaria de saber, como faço pra preencher esse vazio, uma coisa que eu queria tanto viver, ainda existe solução pra mim? eu ainda tenho jeito?
Eu agradeço todas as respostas, lerei todas com muito carinho.
Obs: Eu não sou do tipo que não tenho o que fazer, eu trabalho em casa fazendo bombons para encomendas, eu não saio de casa. Mas apesar do trabalho, ainda sinto uma solidão demoníaca.
submitted by sgleyceellen to brasil [link] [comments]


2016.01.22 02:15 OgaihTVT De um amor perdido

Não sei nem como começar mas vamos lá. Quando tinha 13 anos tive o meu primeiro amoreco - quem não teve, né? - mas esse foi diferente, porque nunca aconteceu de verdade - dizem que são os mais puros ou apenas mais uma bobagem adolescente - ai que vem a pior parte, eu a decepcionei, sempre com aquela besteira de Hoje eu vou falar com ela passava dias, meses com a mesma besteira e nada. Enfim terminou o ano, com aquela sensação de merda, de decepção. No 1º ano do Ensino Médio, adivinha quem vai para a minha sala? Pois é ELA - eu juro, que pensei achei que era o destino haha - e o que acontece? *NADAAAA, é muito triste isso sempre fui muito tímido, com aquele medo irracional por gurias (WTF? Haha), e o mais foda é que ela dava as brechas mas não sei o que acontecia eu não conseguia, simplesmente não conseguia. O Engraçado é que eu sempre tinha a ver com ela. Tentei falar duas vezes com ela pelo face - Covardia? - mas nas duas ela foi bem grossa, não dava as brechas - Não sei se era com medo dela se decepcionar, enfim não sei - passou mais um ano e nada. No 2º ela permaneceu na minha turma, so que ela começou a namorar um guri na mesma escola, de outra turma. Eu lembro que não fiquei com raiva, achei que ela fez o certo, seguiu com a sua vida. Como ela começou a namorar aos poucos eu comecei a pensar Pô, será que ali não poderia ser eu, porque perdi tanta chance. Todos nos arrependemos por coisas que desistimos, de não nos sobressair por um simples medo, timidez e foda., Terminando o Ensino Médio, cada um foi pro seu lado, acho que criei um bloqueio em relação a ela ATÉ em um dia em que um amigo, pede pra ver se ele tinha passado na Lista de Espera da UEPB, e procurando e me esbarro com o nome dela - com isso já sabe né, toda aquela memória volta das merdas que eu fiz pra ela- e passa dia e não paro de pensar nela cara, como eu li em conto, o passado é um fantasma que volta de vez em quando e faz a gente vacilar. Enfim as nossas aulas começam semana que vem, e não espero a hora de encontrar ela pra pedir perdão, desculpas... sei lá por ter magoado ela, ter destruído as ilusões dela (pouco exagerado, haha). Me livrar desse peso de todos os anos que passaram, sei lá so queria falar pra alguém essa historia. PS: Soube que ela terminou o namorado, e do nado excluiu todas as redes sociais.
submitted by OgaihTVT to desabafos [link] [comments]


2015.11.15 16:47 ENGENHEIRO-EMERSON Tenho nojo de mulheres brasileiras

Transar com uma mulher brasileira é o mesmo que gozar em um latão de lixo, não interessa se foi estupro ou foi consensual, absolutamente nada muda. Seja como for, o “latão de lixo” irá continuar lá para receber a esporrada de outros machos.
A degradação moral no Brasil atingiu níveis críticos. Muitos me xingam de pedófilo, mas a verdade é que eu nunca molestei ninguém, não molestei porque simplesmente não vale a pena. Porque toda vadia que eu vejo ao mesmo tempo que começa a desenvolver corpo começa a trepar com marginais.
Eu sou uma espécie de “Gerson”, continuo comendo estas roceiras aqui de Araraquara e depois me bate um arrependimento, e me pergunto, o que é que eu estou fazendo da minha vida.
No final das contas, eu sou mesmo um doente. Só de me relacionar com estas vadias brasileiras, já é um fetiche sexual doentio. É um fetiche sujo e imundo.
TODA MULHER BRASILEIRA É UM PEDAÇO DE LIXO. SÓ AS GAROTAS JAPONESAS SÃO PURAS E DÓCEIS.
Porque toda a garota adolescente brasileira aos 13 anos já está ensinando pelas tele-novelas da rede-judaico-sionista de televisão a chupar rola e dar para marginal, todas elas estão lendo compulsivamente revistas como a CAPRICHO que ensinam truques para enganar e mentir.
TODA ADOLESCENTE BRASILEIRA É UM PEDAÇO DE LIXO. NÃO INTERESSA A IDADE, RAÇA NEM PROCEDÊNCIA NACIONAL.
Comer vadias brasileiras não significa desejo de ter um relacionamento com elas, não significa o mesmo que desejar casar ou namorar. Comer vadias brasileiras é o mesmo que comer uma prostituta, você goza e fica se perguntando: O QUE DIABOS EU ESTOU FAZENDO AQUI.
E neste momento, as vadias ficam querendo te beijar com a mesma boca que engoliram sua porra, que engoliram a porra de vários outros caras, contando aquelas mentiras de sempre que você é único na vida delas e o caralho. Você finge acreditar para continuar comendo mas no fundo sabe a verdade.
submitted by ENGENHEIRO-EMERSON to brasil2 [link] [comments]